O melhor pedaço da Maçã.
TweetDeck na web

TweetDeck “quebra” após Twitter adicionar limite de posts [atualizado]

No último sábado (1º de julho), o bilionário Elon Musk anunciou que o Twitter passaria a limitar a quantidade de tweets que seus usuários podem ver por dia para 6.000 no caso de assinantes do Twitter Blue e para 600 no caso de contas não verificadas, o que causou muita polêmica. Não demorou muito tempo e esse limite foi logo expandido para 10.000 e 1.000 tweets, respectivamente — o que não evitou a enxurrada de críticas e memes sobre a mudança.

Publicidade

Acontece que, como notado pelo TechCrunch, além de afetar a experiência de usuários que costumam navegar pela rede social através do app e da página do Twitter na web, esse limite também está quebrando o TweetDeck, cliente oficial da plataforma que permite acompanhar múltiplas timelines em tempo real.

Tweetdeck… eu não sei, pessoal. Eu gostava do Elon, mas está ficando cada vez mais estranho.

De acordo com relatos de usuários, o TweetDeck simplesmente não consegue mais carregar colunas de tweets inteiras e nem mesmo entregar notificações. Outras pessoas chegaram a dizer que a coluna “Home” do cliente até está conseguindo exibir novos tweets, mas as outras aparecem apenas com a mensagem “Carregando…”.

Como notado pela engenheira Molly White, após alguns minutos aberto, o TweetDeck passa a exibir uma sequência de erros “404”. Assinantes do Twitter Blue que usam o cliente também estão enfrentando esses problemas, vale notar.

Publicidade

Como o TweetDeck carrega publicações em múltiplas colunas de uma vez só, é possível que usuários do cliente batam o limite de publicações estabelecido pelo Twitter ainda mais rápido. Antes de aumentar o limite para até 10.000/1.000 tweets por dia, Musk prometeu, também no último sábado, que o expandiria para 8.000/800 — o que revela uma certa inconsistência por parte do ex-CEO.

O TweetDeck, vale lembrar, chegou a contar com um app oficial para Macs, o qual foi descontinuado há um ano. Pouco tempo depois, rumores de que o cliente se tornaria exclusivo de assinantes do Twitter Blue começaram a surgir — coisa que ainda não aconteceu.

E você, percebeu algum desses problemas por aí?


Ícone do app X
X de X Corp.
Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple TV
Versão 10.29 (254.7 MB)
Requer o iOS 15.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

Ícone do app Twitter
Twitter de X Corp.
Compatível com Macs
Versão 9.30 (146.8 MB)
Requer o macOS 11.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na Mac App Store Código QR Código QR

Atualização, por douglas nascimento03/07/2023 às 20:28

Um funcionário do Twitter se pronunciou sobre o problema numa comunidade para o TweetDeck. Contrariando a suposição de que as falhas foram ocasionadas pelos limites de visualização de tweets, ele afirmou que, na verdade, elas resultam da remoção de APIs1Application programming interfaces, ou interfaces de programação de aplicações. legadas por parte da rede social para prevenir scraping de dados.

De acordo com ele, as taxas de visualização de tweets nem mesmo estão em vigor na versão atual do TweetDeck. Falando em “versão atual”, ele ainda afirmou que a rede social planeja migrar todos os usuários do cliente para a sua versão preview, que está sendo testada desde 2021 e sofreu certa rejeição por parte dos usuários inicialmente.

Agora há pouco, o perfil de suporte do Twitter se pronunciou confirmando a mudança e, ao mesmo tempo, trazendo uma má notícia: será necessário contar com um perfil verificado na plataforma para usar o TweetDeck — mudança que entrará em vigor daqui a 30 dias. Ou seja, a menos você tenha ganhado um selo de presente de Musk, terá que pagar por uma assinatura do Twitter Blue (ou do Organizações Verificadas, caso seu perfil seja empresarial).

De acordo com a rede social, o novo TweetDeck permitirá acessar suas pesquisas, listas e fluxos de trabalho salvos — o que também se estenderá às colunas, caso você opte por importá-las ou acessar a nova versão pela primeira vez.

Publicidade

A maior novidade é que o cliente agora ganhará suporte a funcionalidades mais recentes do Twitter, como Espaços (Spaces) e enquetes. O recurso Teams está temporariamente indisponível, mas será restaurado nas semanas seguintes.

De acordo com outro funcionário da rede social, a previsão é para que os usuários já comecem a ser migrados pro novo TweetDeck nesta semana.

via The Verge

Notas de rodapé

  • 1
    Application programming interfaces, ou interfaces de programação de aplicações.

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Apple Store na França é vandalizada e saqueada após protestos

Próx. Post

Cocriador do Workflow, precursor do app Atalhos, deixa a Apple

Posts Relacionados