O melhor pedaço da Maçã.

Conheça o iScanner, app que apaga dedos de documentos, resolve cálculos e mais

Há algum tempo, o aplicativo nativo Notas (Notes) da Apple permite que você escaneie documentos de uma forma bem simples. Assim, você pode transformar aqueles que estejam no mundo físico para o mundo digital — o que pode ajudar caso precise enviá-lo por email ou apenas querer manter a sua documentação pessoal armazenada de uma forma mais segura.

Publicidade

Há, porém, vários aplicativos na App Store que se dedicam a fazer isso. Um desses exemplos é o iScanner, da desenvolvedora americana BP Mobile.

O aplicativo, disponível desde 2016, tem como principal objetivo permitir que você faça o escaneamento de documentos físicos (como um passaporte, uma certidão de nascimento ou qualquer outro do tipo) para ser armazenado e compartilhado digitalmente onde você quiser. Mas ele vai muito além de servir somente para isso.

Por que usar um app de terceiros para escanear documentos?

Apesar desse objetivo principal, o bacana no caso do iScanner é que ele conta com vários outros recursos interessantes, permitindo que você use ferramentas inovadoras para facilitar ainda mais o seu dia a dia.

Publicidade

Há, por exemplo, opções para armazenar os documentos usando uma solução de armazenamento na nuvem própria, além de mesclar, dividir e fazer anotações neles.

Para testar isso na prática, o pessoal da desenvolvedora do app gentilmente nos cedeu um código para testar o app e as funções disponíveis nele.

Eu venho testando-o por algum tempo e destaco, neste artigo, cinco recursos legais que não estão disponíveis no app Notas e que podem lhe ajudar muito na hora de digitalizar algum documento ou coisa do tipo. Confira só! 📄

AI Finger Eraser

A novidade, introduzida recentemente, permite que você escaneie os documentos desejados sem nem mesmo precisar que o papel esteja sobre uma superfície.

Publicidade

Funciona assim: ele usa um algoritmo para reconhecer e, posteriormente, remover os dedos presentes nas digitalizações, adicionando a área do dedo com o mesmo fundo usado no documento.

Assim, você pode escanear o documento simplesmente segurando o papel na sua frente. Posteriormente, basta tocar em “Melhorar” e “Apagar Dedos” para que a função entre em ação.

Publicidade

Nos meus testes, porém, a coisa não se saiu tão bem. Ainda assim, o recurso pode quebrar um galho em certos momentos que você não tenha uma superfície boa para fazer esse escaneamento. Isso porque, ainda que ele esteja longe de ser perfeito (como podemos ver nesse exemplo a seguir), o recurso certamente quebra um galho.

Lembrando que a função deve ser usada em áreas onde não haja uma obstrução de texto, números ou imagens complexas. No mais, tente segurar o documento com a ponta dos dedos para facilitar a ação do recurso.

Contagem de objetos

O iScanner oferece a possibilidade de contar objetos em um documento. Para isso, capture a foto na câmera no modo “Contagem”, selecione o primeiro objeto a ser contado e toque em “Contar”.

Não é aquele recurso que você vai usar sempre, claro, mas pode quebrar um bom galho!

Resolver questões de matemática

Precisa resolver um problema de matemática? Pois o iScanner pode ajudar nessa função, também. Basta abrir a câmera dentro do app, selecionar “Matemática” e encaixar o documento onde a questão esteja.

Medir uma área

A Apple já possui um aplicativo dedicado a medir objetos usando a câmera do iPhone/iPad. Contudo, o iScanner faz um processo muito parecido, que pode ser útil quando você quer saber o tamanho do documento ou algo do gênero.

Adicionar uma marca d’água

Precisa adicionar uma marca d’água exclusiva em um documento importante? O iScanner possui uma função para fazer isso. Além de adicionar o texto que quiser, você ainda pode escolher entre oito fontes diferentes, o tamanho da palavra, o espaçamento, a transparência e a sua cor.


O iScanner é gratuito e está disponível na App Store para iPhones e iPads. Uma versão paga, porém, desbloqueia vários recursos — dentre eles, os modos de cálculos matemáticos e de contagem, conversão de escaneamentos nos formatos TXT, XLS, DOC e remoção de distorções em imagens.

Ela custa R$90/ano ou R$25/semana, com três dias de teste grátis. O armazenamento na nuvem, que por padrão é de 200MB, também pode ser expandido para 10GB ou 100GB no caso do plano pago.


Ícone do app iScanner - Digitalizador PDF
iScanner - Digitalizador PDF de BPMobile
Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 5.37 (211.9 MB)
Requer o iOS 15.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Apple TV+ divulga imagens de “The Buccaneers”; estreia será em 8/11

Próx. Post

Echo Show 5 de 3ª geração é oficialmente lançado no Brasil

Posts Relacionados