O melhor pedaço da Maçã.

Apple Music Classical firma parceria com a Orquestra Philharmonia, de Londres

A famosa Orquestra Philharmonia, baseada na cidade Londres (Reino Unido), anunciou hoje que firmou um acordo para disponibilizar o seu acervo mensalmente no Apple Music Classical. Segundo a instituição, as obras serão remasterizadas e contarão com todo o glamour do Áudio Espacial (Spatial Audio).

Publicidade

Essa parceria, que não teve um tempo de duração revelado, visa “oferecer uma nova perspectiva para clássicos atemporais” e disponibilizar “joias escondidas que ainda não foram lançadas ou que já foram esquecidas há muito tempo”, afirmou a Orquestra.

Estamos muito entusiasmados em anunciar nossa parceria com a Apple Music Classical, desbloqueando um tesouro sinfônico de gravações exclusivas, joias desenterradas e obras-primas remasterizadas no esplendor envolvente do Áudio Espacial. Começamos com um programa inteiramente de Elgar por Sir Andrew Davis com Áudio Espacial, que agora está disponível para transmissão exclusivamente no Apple Music e no @AppleClassical a partir de hoje! Saiba mais: philharmonia.co.uk/apple/

Para inaugurar essa colaboração, a instituição liberou hoje no serviço de streaming os seus primeiros conteúdos: as “Variações Enigma”, compostas por Edward Elgar e conduzidas por Sir Andrew Davis.

Com a qualidade de som superior e a experiência imersiva do Áudio Espacial, os ouvintes podem apreciar cada nuance e sutileza da música, sentindo-se como se estivessem no meio de uma apresentação ao vivo. Esta tecnologia inovadora proporciona uma experiência auditiva tridimensional, aumentando a conexão emocional entre o ouvinte e a música, tornando-a mais vibrante e imediata.

A gravação, de acordo com a Orquestra, aconteceu em 18 de abril de 2007, no Fairfield Hall, em Croydon. A versão disponível no Apple Music Classical, é claro, “foi impecavelmente remasterizada e trazida à vida com o Áudio Espacial”.

Publicidade

O Apple Music Classical é um app de streaming de música criado para oferecer uma experiência de áudio que amantes de música clássica merecem. Com o Apple Music Classical, quem assina o Apple Music (R$11,90/mês na assinatura Universitária, R$21,90/mês na Individual e R$34,90/mês na Familiar) pode encontrar com facilidade qualquer gravação no maior catálogo de música clássica do mundo (5 milhões de faixas) com a melhor qualidade sonora disponível (áudio Lossless de até 24 bits/192 kHz), incluindo Áudio Espacial imersivo — tudo isso com busca e interface desenvolvidas para músicas clássicas.


Ícone do app Apple Music Classical
Apple Music Classical de Apple
Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 1.4 (20.4 MB)
Requer o iOS 15.4 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão sobre vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Tata Group compra fábrica da Wistron e será a 1ª fabricante indiana de iPhones

Próx. Post

iOS 17.1 corrigiu brecha de privacidade na função Endereço Wi-Fi Privado

Posts Relacionados