O melhor pedaço da Maçã.

Bing Chat agora se chama Copilot; ferramenta ganha novas capacidades nos apps do Microsoft 365

Liberado no início do ano, o Bing Chat já não está mais entre nós — pelo menos não com esse nome. Ontem, durante o primeiro dia do evento Microsoft Ignite 2023, a gigante de Redmond anunciou que a sua ferramenta de inteligência artificial generativa passará a se chamar apenas Copilot, assim como o assistente da sua suíte de produtividade, o Microsoft 365 (antigo Office).

Publicidade

Essa mudança, de acordo com Colette Stallbaumer, gerente geral do Microsoft 365, é uma simplificação, sendo que “o Bing Chat e o Bing Chat Enterprise agora serão simplesmente Copilot”. Essa mudança faz bastante sentido, uma vez que apps como o Word, o Excel e o PowerPoint já contavam com o recurso 365 Copilot, que sempre funcionou de forma bastante similar ao Bing Chat — ou seja, por meio de prompts de texto numa espécie de conversa com a IA.

A partir de agora, a versão gratuita da ferramenta será apresentada apenas como Copilot, enquanto o antigo Bing Chat Enterprise, feito para clientes corporativos, foi rebatizado como Copilot for Microsoft 365. O Copilot, vale notar, já era o chatbot oficial do Windows 11 desde setembro e segue podendo ser acessado pelo Bing e pelo seu site oficial (ainda compatível apenas com o Microsoft Edge e o Google Chrome).

Esse rebrading, de acordo com analistas, também parece significar uma mudança de postura por parte da Microsoft — que, ao que tudo indica, deverá parar competir com o Google no mundo dos motores de busca online para tentar “roubar” alguns usuários do ChatGPT, desenvolvido pela OpenAI — curiosamente uma das responsáveis pela tecnologia por trás das ferramentas da Microsoft.

Publicidade

Por fim, a criadora do Windows também confirmou que o Copilot finalmente ganhará uma uma versão estável em 1º de dezembro, depois de quase um ano inteiro em fase de testes. Essa data também marcará o início de uma mudança importante para usuários corporativos, que precisão de um Entra ID para acessar a ferramenta em vez de apenas uma conta da Microsoft (como é o caso do plano gratuito).

Copilot no Microsoft 365

O Copilot também ganhou novas capacidades em uma série de apps da Microsoft, com destaque especial para o Teams.

De acordo com a empresa, a partir do ano que vem, a ferramenta será capaz de fazer anotações durante uma reunião automaticamente, além de compartilhar os resultados com seus participantes logo depois. Os participantes da chamada poderão editar as notas em tempo real, bem como visualizá-las no Microsoft Whiteboard e acessá-las de qualquer app ou dispositivo.

Também será possível pedir ao Copilot para transcrever as considerações de um participante em específico, bem como responder questões e prover informações importantes durante uma reunião — tudo isso sem ativar a transição do Teams, vale notar. Caso você tenha perdido uma reunião, ele também poderá lhe ajudar a ficar por dentro dos principais pontos de uma chamada, além de ser capaz de responder perguntas sobre o que foi discutido.

Publicidade

Ainda falando do Teams, a Microsoft disse que o Copilot também poderá ser usado para resumir posts longos em canais e revistar alguma mensagem importante, além de lhe ajudar durante a composição de um texto para ajustar o tom de uma mensagem antes de ela ser enviada para os seus colegas.

O Outlook também recebeu sua leva de novidades centradas no Copilot. Segundo a desenvolvedora do Windows, ele poderá ser usado no cliente de email para resumir itens na agenda e threads inteiras de emails, receber sugestões de novas ações e até marcar novas reuniões.

Publicidade

No Word e no PowerPoint, por fim, o Copilot poderá ser usado para revisar todas as alterações feitas num documento por outras pessoas, além de pedir para ele usar a identidade visual da sua marca nas suas apresentações e até mesmo invocar o Microsoft Designer para reimaginá-las usando IA.


Ícone do app Microsoft Teams
Microsoft Teamsde Microsoft Corporation
Compatível com iPadsCompatível com iPhones Compatível com o Apple Vision Pro
Versão 6.12.1 (380.5 MB)
Requer o iOS 16.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App StoreCódigo QR Código QR

Ícone do app Microsoft Outlook
Microsoft Outlookde Microsoft Corporation
Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple Watches
Versão 4.2426.0 (339.6 MB)
Requer o iOS 16.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App StoreCódigo QR Código QR

Ícone do app Microsoft Word
Microsoft Wordde Microsoft Corporation
Compatível com iPadsCompatível com iPhones Compatível com o Apple Vision Pro
Versão 2.86 (307.2 MB)
Requer o iOS 16.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App StoreCódigo QR Código QR

Ícone do app Microsoft PowerPoint
Microsoft PowerPointde Microsoft Corporation
Compatível com iPadsCompatível com iPhones Compatível com o Apple Vision Pro Compatível com Apple Watches
Versão 2.86 (282.1 MB)
Requer o iOS 16.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App StoreCódigo QR Código QR

via The Verge, MSPoweruser

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Microsoft lança app Windows para acessar PCs no iOS, no macOS e mais

Próx. Post

Apple Brasil começa a vender os novos MacBooks Pro (M3, M3 Pro e M3 Max)

Posts Relacionados