O melhor pedaço da Maçã.
Depositphotos
Mulher/garota lendo em iPad

Ciclo de troca de iPads aumentou entre usuários da Apple, aponta pesquisa

A demora para a Apple anunciar novos iPads com certeza fez muita gente segurar a mão na hora de comprar um novo tablet nos últimos tempos — afinal, por que fazer esse investimento agora sendo que modelos mais avançados já estavam dando a cara no horizonte, não é mesmo?

Publicidade

Com a chegada dos novos iPads Air e Pro, na semana passada, muita gente finalmente poderá abrir a carteira e adquirir um tablet novinho e folha — e, de acordo a mais recente pesquisa da Consumer Intelligence Research Partners (CIRP), boa parte dessas pessoas realmente estava esperando há um tempo por novos modelos para fazer um upgrade.

Isso porque a firma de pesquisa perguntou para uma série de novos compradores de iPads há quanto tempo eles têm usado o seu modelo atual, de modo a estimar o ciclo de troca dos fãs da Apple. E segundo os dados, dois terços das pessoas entrevistadas estão com seus iPads há dois anos ou mais.

Mais especificamente, 40% das pessoas entrevistadas (a maior parte) estão com seus iPads há três anos ou mais, enquanto 25% possuem os seus tablets há dois anos ou mais — mesmo número de quem comprou o seu modelo atual de iPad há um ano ou mais. Apenas 10% das pessoas ouvidas pela firma compraram seus dispositivos há menos de um ano.

Publicidade

Isso significa um crescimento de 4% no caso de quem está com o seu iPad atual há três anos ou mais em relação a 2023 (36%) e de 12% em comparação a 2022 (28%). Como é possível notar no gráfico acima, há dois anos “apenas” metade dos usuários de iPads estavam com o seus tablets há mais de dois anos.

De acordo com a CIRP, esse aumento no ciclo de troca se deve, entre outras coisas, pela forma como os consumidores tratam esses dispositivos. Ao contrário do que acontece com smartphones, por exemplos, donos de tablets tendem a manter o seus dispositivos até que eles quebrem, suas baterias deixem de funcionar adequadamente ou seu armazenamento interno deixe de ser o suficiente.

Os dados da CIRP, vale notar, levam em conta apenas usuários de iPads nos Estados Unidos, mas é provável que a situação não seja tão diferente em outros países e regiões. Além disso, é possível que o lançamento dos novos iPads dê uma bagunçada nesse números.

Publicidade

E você, vai trocar o seu iPad agora? Comente abaixo!


Comprar iPads Pro de Apple Preço à vista: a partir de R$11.069,10
Preço parcelado: a partir de R$12.299,00 em até 12x
Telas: 11 ou 13 polegadas
Cores: prateado ou cinza-espacial
Capacidades: 256GB, 512GB, 1TB ou 2TB
Conectividade: Wi-Fi ou Wi-Fi + Cellular

Comprar iPads Air de Apple Preço à vista: a partir de R$6.299,10
Preço parcelado: a partir de R$6.999,00 em até 12x
Telas: 11 ou 13 polegadas
Cores: cinza-espacial, azul, roxo ou estelar
Capacidades: 128GB, 256GB, 512GB ou 1TB
Conectividade: Wi-Fi ou Wi-Fi + Cellular

Comprar iPad mini de Apple Preço à vista: a partir de R$5.399,10
Preço parcelado: a partir de R$5.999,00 em até 12x
Cores: cinza-espacial, rosa, roxo ou estelar
Capacidades: 64GB ou 256GB
Conectividade: Wi-Fi ou Wi-Fi + Cellular

Comprar iPad (10ª geração) de Apple Preço à vista: a partir de R$3.599,10
Preço parcelado: a partir de R$3.999,00 em até 12x
Cores: azul, rosa, amarelo ou prateado
Capacidades: 64GB ou 256GB
Conectividade: Wi-Fi ou Wi-Fi + Cellular

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão sobre vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via 9to5Mac

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Emulador de PSP está agora disponível na App Store

Próx. Post

Meta encerrará o Workplace, serviço rival do Teams, em 2026

Posts Relacionados