O melhor pedaço da Maçã.

Parceria entre Apple e OpenAI poderá integrar o ChatGPT à Siri

O acordo, no entanto, estaria levantando algumas preocupações na Microsoft
Imagem com um chip, logo da Apple e cores da Siri (inteligência artificial e servidores)

O possível acordo entre a Apple e a OpenAI poderá levar a Maçã a incrementar as capacidades da Siri, segundo uma nova reportagem do The Information. De acordo com a matéria, a parceria também estaria sendo alvo de preocupações por parte da Microsoft, que é uma das grandes investidoras da companhia de inteligência artificial (IA) e concorrente direta da Maçã.

Publicidade

Revelada por Mark Gurman há algumas semanas, a parceria entre as duas companhias seria fruto de conversas que se iniciaram em meados do ano passado. Um primeiro e menor acordo, inclusive, permitiu que funcionários da Apple passassem a obter acesso às APIs 1Application programming interfaces, ou interfaces de programação de aplicações. da OpenAI para testes internos — o que permitiu aos engenheiros da Maçã conectar o ChatGPT diretamente à Siri.

Essa integração resultou em demonstrações impressionantes de como a inteligência artificial poderá melhorar a assistente. Segundo fontes ouvidas pela reportagem, a Apple pretende se utilizar disso para fazer a Siri responder a perguntas mais complexas — embora a empresa pretenda deixar claro para os usuários quando determinada resposta for gerada pela IA.

A OpenAI acabou mostrando um mundo de possibilidades para a assistente pessoal da Maçã, que também seria capaz entender melhor o contexto enquanto interage com os usuários, fornecer traduções em tempo real ou se tornar mais responsiva e natural — o que vai ao encontro com informações recentes apontadas por Gurman de que a Siri se tornará mais conversacional no iOS 18.

Microsoft estaria preocupada com o acordo

A utilização do ChatGPT em dispositivos de uso em massa como os iPhones certamente demandará mais capacidade de processamento por parte da OpenAI — em outras palavras, mais servidores. E isso estaria preocupando a Microsoft, que investe financeiramente na empresa liderada por Sam Altman e fornece acesso aos seus data centers em troca de se beneficiar com as últimas tecnologias da companhia de IA.

Publicidade

Essas preocupações, inclusive, teriam sido alvo de uma reunião entre Altman e Satya Nadella recentemente. Embora a Microsoft provavelmente também vá se beneficiar com o aumento da receita que será gerado com a parceria, visto que a empresa detém quase metade de participação na OpenAI, há uma preocupação também no que se refere ao uso das tecnologias da empresa em produtos concorrentes.

Provavelmente o Windows (concorrente do macOS no mercado de computadores) é o grande centro dessa última preocupação, visto que a Microsoft está investindo em inteligência artificial como um grande diferencial para o sistema. Recentemente, a empresa anunciou uma série de notebooks com a nova certificação Copilot+ PCs, a qual requer uma enorme capacidade neural para executar tarefas de IA localmente.

via 9to5Mac

Notas de rodapé

  • 1
    Application programming interfaces, ou interfaces de programação de aplicações.

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Como conectar um teclado Bluetooth ao VoiceOver do Apple Watch

Próx. Post

Identidades japonesas ganharão suporte à Carteira da Apple no próximo ano

Posts Relacionados