O melhor pedaço da Maçã.

iOS 18 permitirá personalizar a palavra de ativação da Siri com Atalhos Vocais

Veja essa e muitas outras novidades dos futuros sistemas da Apple!

Além das principais novidades destacadas na apresentação da semana passada, o iOS 18 e o iPadOS 18 trarão diversas outras mudanças, comomostramos por aqui. E temos mais alguns recursos que foram descobertos nas versões beta dos novos sistemas, as quais deverão aprimorar ainda mais a experiência de uso.

Publicidade

As novidades mais recentemente descobertas incluem a personalização da palavra de ativação da Siri, um redesenho nos Atalhos (Shortcuts), conversões matemáticas no teclado, Áudio Espacial no AirPlay, entre outras adições.

Vamos conferir mais diferenças do iOS 18?

Personalização da palavra de ativação da Siri

Por meio dos Atalhos Vocais (Vocal Shortcuts) — os quais permitirão acionar atalhos com comandos de voz ou sons —, será possível personalizar a palavra de ativação da Siri. Como apontado pelo MacRumors, bastará definir um atalho do tipo que tenha como tarefa a ativação da Siri e escolher qualquer palavra como comando para tal, no menu de “Acessibilidade” nos Ajustes.

Com isso, ao falar o comando para o iPhone, a assistente será acionada, assim como ocorre atualmente com o “E aí, Siri”. O recurso, porém, é limitado ao iOS, não sendo possível fazer a mesma personalização em outros dispositivos — como o HomePod.

Publicidade

Além disso, ao ativar a Siri com os Atalhos Vocais, será necessário aguardar a ativação para, então, fazer o pedido desejado à assistente. Ao usar o comando tradicional, é possível dizer uma frase inteira, como “E aí, Siri: como está o tempo?” sem parar, com a compreensão do que foi falado, ao contrário do funcionamento do novo recurso.

Novidades do Freeform

A principal adição ao Freeform, aplicativo de desenho colaborativo da Apple, serão as especuladas Cenas (Scenes). Como repercutido pelo AppleInsider, trata-se de divisões da tela infinita do app, as quais poderão ser criadas enquadrando partes do documento, de modo a facilitar a navegação pelas anotações.

Publicidade

O recurso poderá ser acessado ao tocar um botão com símbolo de estrela, na parte inferior esquerda. Ao fazê-lo, serão exibidos três botões: dois deles são setas, que permitem navegar entre as cenas, e outro abre uma lista das cenas do quadro. Nela, pode-se editá-las, mudar a ordem, adicionar novas, exportá-las em PDF ou imprimi-las.

Cada cena poderá ser renomeada e, na lista, será exibida uma miniatura com uma pré-visualização do seu conteúdo. Além de proporcionar uma melhor organização, o recurso facilitará o uso do Freeform para realizar apresentações do que for escrito/desenhado, passando pelas cenas de forma mais fluida, sem precisar ficar procurando áreas específicas, como hoje.

Outra novidade será a possibilidade de ativar — no botão no canto inferior direito do app — os Ajustes de Alinhamento, com a definição automática da posição de formas, elementos e textos no documento. Ao movê-los, eles poderão ficar alinhados com um dos pontinhos exibidos no fundo da página automaticamente, sendo “atraídos” a uma das posições.

A ação também irá se aplicar a itens dentro de outros itens, como uma caixa de texto dentro de uma forma, também visualizando as linhas-guia quando estiver próxima ao centro e facilitando o seu posicionamento centralizado. Assim como em outros apps, a novidade tornará mais fácil o processo de alinhar elementos e deixar o documento mais organizado.

Publicidade

Será adicionado, ainda, um recurso de conectores, que permitirão unir de forma mais fácil elementos de um documento. Ele poderá ser ativado em uma próxima à da grade na interface e, ao selecionar formas com a função ligada, setas serão exibidas. Selecionando-as, será gerado um conector, o qual poderá ser arrastado até outro elemento.

Apesar de os usuários poderem desenhar as suas próprias linhas, esse recurso de conexão também é útil para possíveis reorganizações futuras. Duas formas conectadas dessa forma assim continuarão, ainda que você as mova. Também será possível selecionar a linha de conexão e aplicar diferentes tipos de formatação a ela, bem como adicionar setas se você quiser que a construção funcione como um fluxograma.

No Mac, ao segurar a barra de espaço, o cursor se transformará em uma mão, permitindo a navegação pelas seções do documento com a mão de forma rápida. Ao soltar a tecla, a interface retornará ao normal.

Conversões matemáticas com o teclado

Além da Notas de Cálculo (Math Notes), o iOS 18 contará com conversões matemáticas diretamente do teclado. Ao digitar operações matemáticas em qualquer campo de texto, o teclado as reconhecerá e exibirá o resultado entre as sugestões do corretor.

Será possível tanto substituir toda a conta apenas pelo resultado quanto adicionar o número e manter todas as parcelas de uma soma, por exemplo. O recurso funcionará com matemática básica, conversões de moeda/temperatura e outras operações.

Adicionar cartões ao Apple Pay aproximando-os do iPhone

Com o Tap to Provision, será possível adicionar cartões de crédito e de débito elegíveis à Carteira (Wallet) apenas aproximando os cartões à traseira do iPhone. A própria companhia advertiu, porém, que a novidade não estará disponível em todos os mercados, embora sem dar mais detalhes por ora.

Além de ter um cartão com a tecnologia de pagamento por aproximação, provavelmente serão necessárias integrações com os bancos emissores dos cartões para que o recurso funcione. Ainda não sabemos, portanto, se o método facilitado de adição de cartões dará as caras no Brasil. Nos próximos meses, os locais com suporte à função deverão ser anunciados.

Atalhos redesenhados

O app Atalhos (Shortcuts) ganhará um redesenho, facilitando o processo de encontrar recursos desejados, assim como com novas ações. A antiga divisão entre atalhos de apps e categorias deixará de existir, havendo apenas um campo de busca. Abaixo, haverá botões os quais levarão o usuário a listas de ações mais usadas, incluindo mídia, compartilhamento, localização, documentos e web.

A lista exibida ao buscar uma ação, por sua vez, irá misturar ações padrões do iOS 18 com outras de apps de terceiros que você tenha instalado. Ao encontrar a opção desejada, pode-se tocar sobre ela para adicioná-la ao fim do atalho ou arrastá-la para a posição desejada.

Esse mecanismo de arrastar também recebeu melhorias, já que, até então, pode-se fazê-lo com uma ação entre outras duas, embora posicionando-a acima de ambas. O processo, porém, não é nada fluido, com gargalos na hora de adicionar ações e erros de posicionamento. Com o iOS 18, tais problemas serão corrigidos, com maior tranquilidade na hora de adicionar ações a um atalho em construção.

Algumas ações também tiveram o nome ou o ícone modificado, ou não estão aparecendo na busca como atualmente, o que pode ser um bug da versão beta do iOS 18. Há, porém, novas ações que permitem controlar apps, incluindo o Lembretes (Reminders), o Livros (Books) e o Casa (Home), como para ativar ou desativar a rolagem de páginas ou pular para a página anterior/posterior, bem como abrir listas específicas.

Além disso, será possível criar atalhos que são acionados com várias condições no “Se”, e não apenas uma, como atualmente. Até então, é necessário agrupar diferentes condições, o que diminui bastante a eficácia do recurso.

No Mac, apesar da adição dessas novidades de forma geral, bugs ainda persistem no app, bem como há algumas ações do Safari, por exemplo, faltando, além de seguir sem opções para controlar Grupo de Abas — disponíveis no iOS e no iPadOS. Também são encontrados erros no macOS quando o Atalhos encontra ações que não existem no sistema, tampouco levando à App Store para baixar apps, quando necessário.

Considerando que a versão atual ainda é a primeira beta para desenvolvedores, esses problemas deverão ser corrigidos nas próximas compilações dos sistemas, até o lançamento da versão final.

Ícone de chamada na aba “Recentes”

Como percebido pelo Cult of Mac, a aba “Recentes” do app Telefone agora mostra um ícone de chamada ao lado de cada registro de ligação realizada. Atualmente, no iOS 17, tocar no item já inicia uma chamada para o número em questão, o que acaba levando a muitos toques acidentais.

No iOS 18, em contrapartida, tocar no registro da chamada levará à página da chamada. A ligação apenas será iniciada ao tocar sobre o novo botão. O mesmo ícone aparecerá próximo ao nome do contato no discador.

Cópia de edições adaptável

No recurso de copiar edições de uma imagem para outras no Fotos, haverá uma nova opção para fazê-lo de forma adaptável. Ativando-a, o balanço de branco e a exposição das fotos para as quais as edições forem copiadas irão corresponder aos da fonte. Com isso, os valores absolutos não deverão ser os mesmos, mas visualmente, deve haver semelhança.

A ideia é tornar o recurso mais inteligente, permitindo copiar as fotos, mas observando diferentes características de cada imagem. Assim, evitam-se imagens com exposição excessiva ou balanço de branco anormal.

Mapas offline no Apple Watch

Com o iOS 18 e o watchOS 11, será possível baixar e sincronizar mapas no Apple Watch, de modo que eles sejam acessíveis offline. O controle de direções armazenadas deverá ser feito pelo iPhone, com atenção para o espaço ocupado pelos mapas no relógio.

Listas Inteligentes com subtarefas

Como trazido pelo 9to5Mac, as Listas Inteligentes dos Lembretes suportarão mostrar subtarefas. Até então, ao criar itens deste tipo, não é possível visualizá-los diretamente das Listas Inteligentes.

Com uma tarefa na lista “Hoje”, por exemplo, dentro da qual há três subtarefas, o iOS 17 exibe apenas um aviso afirmando que há as subtarefas, mas sem detalhá-las. Para obter mais detalhes, é necessário tocar no botão de informações, descer a tela e tocar na opção dedicada aos itens.

Já no iOS 18, a visualização é a mesma de listas “não inteligentes”, às quais as tarefas estavam atribuídas, nas quais as subtarefas podem ser vistas de uma vez em uma lista ordenada com hierarquia. Seja na lista “Hoje” ou em “Programados”, as subtarefas poderão ser vistas rapidamente.

Outra novidade será a possibilidade de reordenar as diferentes seções da lista “Hoje” da forma que mais fizer sentido para o usuário.

Outras novidades

Por fim, conforme repercutido pelo MacRumors, as notas de liberação da versão beta do iOS 18 revelaram algumas outras novidades. O FaceTime usará mais dados no Modo Pouca Energia quando as condições de rede estiverem boas, para uma qualidade de chamada de vídeo aprimorada.

Uma nova configuração na Siri poderá melhorar “significativamente” a qualidade de áudio ao usar a assistentes em veículos com sistemas de som com Bluetooth, mas sem o CarPlay. A opção estará no menu de “Respostas da Siri”, na aba da Siri dos Ajustes e as respostas serão realizadas pelo estéreo A2DP dos carros, o que seria ideal ao ouvir mídia do aparelho.

Na Carteira, ao adicionar uma carteira de identidade ao iPhone, pode ser solicitada a captura de uma Live Photo, bem como realizar movimentos faciais e de cabeça. Segundo a Apple, a foto será avaliada no dispositivo para garantir que é a pessoa real a qual está adicionando o documento.

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Ações da Apple batem novo recorde, mas Microsoft lidera em market cap [atualizado 2x]

Próx. Post

Mercado de displays OLED para tablets disparou e Apple foi a maior cliente no 1º trimestre de 2024

Posts Relacionados