O melhor pedaço da Maçã.

Parceira da Apple desenvolve bateria com capacidade 100x maior que modelos tradicionais

rafapress / Shutterstock.com
Logo da TDK na tela de um smartphone

A fabricante japonesa TDK, fornecedora da Apple, anunciou hoje que conseguiu desenvolver com sucesso um novo tipo de material que poderá ajudar a aumentar consideravelmente a duração e a longevidade das baterias de dispositivos móveis, como iPhones.

Publicidade

De acordo com a companhia, esse material foi criado para ser usado nas baterias de estado sólido da linha CeraCharge, que usam um eletrólito sólido à base de óxido em vez do eletrólito líquido utilizado nas tradicionais baterias de íons de lítio.

Por causa disso, essas novas baterias teriam uma densidade energética de até 1.000 watts/hora — número 100 vezes maior do que modelos convencionais. Essa medida, vale notar, diz respeito à quantidade de energia que uma bateria pode armazenar em relação ao seu tamanho ou peso.

Baterias de estado sólido, como destacado pelo Quartz, são menores, recarregam mais rápido, duram mais e têm uma menor propensão a sofrerem com mudanças de temperatura. Elas também seriam drasticamente mais seguras que as baterias de íons de lítio tradicionais, além de permitir dispositivos mais finos.

A TDK disse que ainda está trabalhando na produção em massa dessas baterias, que poderão dar as caras em iPhones e outros aparelhos no futuro. O objetivo da fabricante agora é aumentar a capacidade dessas baterias usando uma tecnologia de laminação multicamadas e expandindo sua faixa de temperatura operacional.

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Expansão global da Apple Intelligence poderá “levar anos” para ser concluída

Próx. Post

Bombeiro tem ataque cardíaco e busca ajuda graças ao Apple Watch

Posts Relacionados