O melhor pedaço da Maçã.

Apple ainda está barrando o emulador iDOS da App Store, alega criador

O popular emulador iDOS está enfrentando (mais uma vez) desafios com as políticas da App Store, apesar das recentes mudanças regulatórias da União Europeia — que visam, em tese, melhorar a equidade nas lojas de aplicativos.

Publicidade

Em uma página dedicada, o desenvolvedor Chaoji Li disse que recentemente tentou reenviar o aplicativo sob um novo título (iDOS 3), mas encontrou alguns obstáculos que atrasaram seu processo de aprovação.

Segundo ele, inicialmente a Apple teria rejeitado o envio do iDOS 3 alegando que ele era idêntico ao iDOS 2 — o qual havia sido colocado na lista proibida, impedindo qualquer novo pedido de revisão sob o título original. 

Após o desenvolvedor explicar a necessidade do novo título (devido ao bloqueio do iDOS 2), a Apple rejeitou o iDOS 3 alegando “spam de design”. A justificativa foi o grande número de apps com designs idênticos, o que caracterizaria tal spam.

Publicidade

O desenvolvedor expressou frustração com a rejeição, que ignorou o histórico da conta que identificaria o iDOS como original. Essa troca de mensagens com a Maçã, inclusive, já dura semanas e ainda não teve resolução.

iDOS 2 para iPhone

Em 8 de maio, o desenvolvedor informou que o aplicativo ainda estava em revisão, mas o processo estava demorando mais do que o esperado, levantando especulações sobre o detalhamento e as motivações da Apple.

Complicando ainda mais a situação, no dia 15 de junho a empresa informou ao desenvolvedor por telefone que o iDOS não se qualificava como um console de jogos retrô, isentando-o das novas regras da União Europeia.

Publicidade

No entanto, a Apple não teria dado orientações claras sobre quais mudanças seriam necessárias para conformidade, nem esclareceu os critérios para o que constitui um console de jogos retrô, deixando o desenvolvedor com o feedback ambíguo.

Para o designer e editor do Cult of Mac Craig Grannell, a única razão pela qual a Apple decidiu aceitar emuladores na App Store foi para prejudicar a AltStore.

O Delta foi o principal destaque. Mas agora que as pessoas têm alguns emuladores, elas vão parar de reclamar. Embora agora eu me pergunte: 1) o que vai acontecer com o MAME para iOS; 2) o que vai acontecer com o FBA (que já está na App Store); e 3) quais grandes mudanças a Apple exigirá do RetroArch, isso se a Apple estiver minimamente ciente do que esse emulador realmente é ou faz.

Apesar desses percalços, o desenvolvedor do iDOS disse que ainda tem esperanças de ver o problema solucionado e assegurou aos usuários que as atualizações para justificar a nova versão serão lançadas, desde que o aplicativo seja aprovado.

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

iPhone 15 Pro Max contribuiu para vendas de smartphones premium no 1º trimestre de 2024

Próx. Post

Habbo Hotel: Origins é lançado para Mac com a jogabilidade do famoso clássico

Posts Relacionados