O melhor pedaço da Maçã.

Review: conheça a Halo 200, caixa de som com karaokê da Tronsmart

Microfone da Tronsmart Halo 200

Uma das marcas de destaque quando falamos em alto-falantes e produtos de áudio atualmente — principalmente no que se refere ao custo-benefício de seus produtos —, a Tronsmart lançou, no segundo semestre do ano passado, a Halo 200, uma caixa de som sem fio que concorre com produtos como os da linha Partybox, da JBL.

Publicidade

Com uma potência de 120W, o Tronsmart Halo 200 Karaoke Party Speaker (esse é o nome completo do produto) conta com destaques como um sistema de som em três vias, LEDs personalizáveis com cinco diferentes modos, emparelhamento estéreo e a possibilidade de sincronizá-la com até 100 alto-falantes da marca.

A Tronsmart Halo 200, como seu nome indica, também tem um foco especial em karaokê — não pode faltar em uma boa festa com amigos, não é mesmo? —, podendo ser adquirida com um ou dois microfones sem fio da marca (embora também possa ser comprada sem eles).

Após cerca de um mês usando a Halo 200, apresentarei abaixo os principais destaques e minhas impressões sobre o produto, bem como detalharei seus recursos, especificações e funcionalidades. Vamos ao review?

Experiência de unboxing

A minha primeira impressão em relação à Halo 200 foi, de certa forma, mista. Embora a caixa em que o produto veio estivesse um tanto quanto deteriorada e amassada, ao mesmo tempo estava bastante reforçada em seu interior — o que não resultou em danos ao produto.

O speaker acompanha um manual, o cabo para carregamento e conexão à energia, um cabo auxiliar, um microfone (sobre o qual detalharemos mais à frente) e uma espécie de suporte para impedir que o microfone entre em contato com a superfície quando em uso (sim, esse objeto laranja nas imagens abaixo).

Design e construção

A primeira coisa que posso dizer sobre o design dessa caixa é que ela é muito bem construída. Começando pela sua parte frontal, a qual é totalmente coberta pela grelha que protege os três alto-falantes, ela exibe apenas o logo da Tronsmart em uma textura metálica bem bonita e discreta.

Na parte superior é onde ficam a maioria dos botões para controlar a Halo 200, os quais estão dispostos nas extremidades esquerda e direita, com o controle (iluminado, cabe destacar) para o volume ao centro. Há também luzes indicadoras para o status da bateria — o que é interessante para visualizar se já está na hora de recarregá-la.

Publicidade

A parte traseira, por sua vez, abriga um compartimento para as diferentes conexões com cabos da Halo 200 (o qual pode ser fechado quando não há nenhum cabo conectado, algo que eu achei muito bem-vindo) e o duto (que é um espaço na parte inferior para coisas como melhorar os graves e reduzir a distorção).

As laterais possuem uma textura em alto relevo a qual abriga o logo da Tronsmart, enquanto a parte inferior conta com pés que promovem uma alta aderência à superfície — é muito difícil que a Halo 200 caia de algum local apenas com algo ou alguém “arrastando-a”.

Publicidade

Uma coisa importante que vale destacar é que o produto é um pouco pesado, de modo que pode ser uma adição relevante de peso durante viagens em que ela precise ser carregada à mão. A Halo 200 pesa nada menos que 6,1kg, enquanto possui dimensões de 266x282x386mm.

Conectividade

Já que mencionamos a parte traseira, que tal falarmos sobre o que é possível conectar à Halo 200? Além da conectividade Bluetooth, que serve para permitir a transmissão de áudio a partir de outros dispositivos e dos microfones, a caixa de som também conta com algumas entradas que podem ser úteis em muitos cenários.

Começando com entradas destinadas à reprodução de mídia, há uma porta USB-A tradicional (a qual permite conectar uma mídia externa, como um pendrive, ou até mesmo recarregar um dispositivo), bem como uma entrada para cabo auxiliar (o qual vem incluso na caixa, como já citado).

Mesmo que a Halo 200 suporte microfones sem fio, ela também conta com duas entradas para microfones com fio (do tipo P10), com uma delas funcionando também como entrada para guitarra ou violão elétrico — o que possibilita fazer até mesmo um showzinho acústico com ela, caso você não curta instrumentais pré-gravados.

Por fim, há também a entrada para o cabo de energia bipolar (que também já vem na caixa), utilizado para recarregar o produto. Essa parte realmente me pegou de surpresa, pois eu nunca mais tinha visto um desses — tirando, é claro, sua versão modificada presente nos adaptadores de tomada dos MacBooks. 😅

Qualidade de áudio

Certamente um dos aspectos mais importantes em qualquer review de produtos como alto-falantes e fones de ouvido, a qualidade de áudio é o ponto mais relevante a se considerar na hora da compra. Afinal, de nada adianta um design bonito/moderno e muitas opções de conectividade se não há uma experiência positiva no som reproduzido.

O som da Halo 200, considerando a sua faixa de preço, certamente não decepciona se você prioriza qualidade — e muito menos se o que lhe anima é a potência sonora. Obviamente, o sistema triplo de som em três vias é um plus para fornecer graves poderosos, bons agudos, um som bastante claro e com uma ótima equalização.

A Halo 200 certamente não é daquelas caixas que fornecem um som com um volume alto, mas que não passa de uma barulheira generalizada e praticamente incompreensível. Embora ela se saia melhor até um volume mediano, o som que ela fornece no volume máximo permanece bem fiel para uma caixa com seu propósito, e não decepciona.

Ela é capaz de preencher facilmente um espaço fechado sem o volume no máximo. A depender do tamanho do espaço mais aberto, também pode dar conta do recado em uma festa ao ar livre — embora o emparelhamento com uma outra (ou mais unidades) certamente deixe as coisas mais favoráveis nessas circunstâncias.

Outro destaque interessante é a presença da tecnologia SoundPulse, a qual elimina o ruído e a distorção harmônica da saída e também amplia o som reproduzido. No geral, isso resulta em uma experiência de som de maior qualidade em relação ao modo padrão — algo que realmente faz muita diferença na hora H, cabe reforçar.

Hora da cantoria

Como dito, a Halo 200 possui um foco grande em funções de karaokê. A meu ver, esse detalhe é uma boa vantagem para a caixa — especialmente para quem, como eu, não perde a oportunidade de cantar no chuveiro.

A versão que testei veio com um microfone. Funcionando com duas pilhas AA, o acessório é bastante bonito e serve bem para o que ele se propõe: uma cantoria descontraída, mas obviamente nada muito profissional. É necessário mantê-lo bem próximo à boca para um funcionamento mais satisfatório — e nada de cantar com ele virado para a parte lateral, pois o som não será captado.

Microfone da Tronsmart Halo 200

A possibilidade de conectar um microfone com fio ou um outro sem fio também é animadora — embora seja um ponto negativo a impossibilidade de comprar apenas o microfone oficial da Tronsmart separadamente (que obviamente é bem mais integrado que qualquer solução de terceiros), deixando o usuário limitado à quantidade comprada originalmente junto à Halo 200.

Tirando esses detalhes, o microfone da caixa de som proporcionou bons momentos de diversão até agora. Seja cantando sozinho ou com amigos, ele consegue captar e reproduzir um som agradável e limpo, sendo perfeito para ser utilizado em conjunto ao Apple Music Sing, por exemplo.

Ainda falando em cantoria, não esqueçamos da possibilidade de conectar uma guitarra ou um violão elétrico à caixa — algo com potencial para tornar o momento de diversão com amigos ainda mais envolvente.

Bateria

Uma caixa com a potência da Tronsmart certamente também é uma devoradora de bateria. A desse produto, inclusive, é gigante, com nada menos que 15.000mAh — mais de 3x a capacidade de bateria de um iPhone 15 Pro Max, a título de comparação.

Embora não tenha feito nenhum teste mais padronizado, meu uso cotidiano mostrou que a Tronsmart Halo 200 consegue segurar bem cerca de 7-8 horas de reprodução com um volume bastante elevado e com os LEDs desligados — um tempo que deve ser ideal para a maioria das festas.

Embora a Tronsmart garanta até 18 horas de reprodução, tenha ciência de que esse prazo dificilmente será alcançado com um uso mais agressivo do produto, limitando-a a um volume de até 50% — ideal para um uso doméstico, não um ambiente de festa com várias pessoas.

Obviamente, ativar recursos como o modo SoundPulse — embora, como já falamos, melhorará bastante a qualidade do áudio — aumentará o consumo de energia da Halo 200 e, consequentemente, resultará na bateria indo embora rapidamente. Dessa forma, pode ser uma boa desativá-lo caso ela já esteja nas últimas.

De qualquer forma, conectar o cabo de alimentação na Halo 200 eliminará a preocupação com a bateria, já que você pode utilizá-la continuamente até o fim da festa sem problemas.

Controles na caixa

Como já mencionado, a Halo 200 possui um conjunto de botões na sua parte superior, os quais servem para controlar a reprodução ou até mesmo ativar recursos específicos disponíveis para o produto.

O controle mais evidente é o de volume, que é giratório, bem maior e proeminente que os botões, contando também com um indicador em LED para indicar o emparelhamento com dispositivos Bluetooth conectados.

Os botões ao redor incluem controles para ligar/desligar a Halo 200, avançar/retroceder, reproduzir/pausar músicas, controlar o modo de exibição dos LEDs frontais, ativar a tecnologia SoundPulse, o emparelhamento estéreo com outras caixas de som da Tronsmart, o eco no microfone e escolher a fonte de reprodução (Bluetooth, cabo auxiliar ou USB).

O interessante é que os botões não contam com uma função única, podendo ser “segurados” por uma quantidade definida de segundos para executar ações diferentes. Ao segurar o botão de play/pause por três segundos, por exemplo, a Halo 200 se desconectará do Bluetooth.

Na parte traseira da caixa (onde ficam as entradas), há também dois controles giratórios para ajustar individualmente o volume do(s) microfone(s) ou do violão/guitarra conectados à Halo 200 por cabo e um botão para resetar as suas configurações.

Aplicativo Tronsmart

Mas nem só de controles físicos vive a Halo 200, visto que é possível fazer tudo isso citado anteriormente (e muito mais) baixando o aplicativo oficial da Tronsmart, disponível para iOS e Android.

Bastante completo, o aplicativo permite visualizar (com precisão) a porcentagem da bateria, atualizar o firmware da Halo 200, acessar uma versão digital do manual ou até mesmo desligá-la remotamente (embora seja impossível ligá-la da mesma forma).

Na página dedicada ao produto, há uma primeira aba com controles de reprodução e volume, uma segunda com o equalizador (pela qual é possível personalizar definições de áudio ou ativar predefinições, como graves profundos, rock ou o modo SoundPulse) e uma terceira com controles mais definidos.

Nessa terceira aba, é possível definir a entrada de áudio, ativar o modo de emparelhamento estéreo ou o modo Broadcast, mudar o formato de reprodução dos LEDs ou simplesmente desligá-los — para mim, uma opção muito útil, tanto por uma questão estética pessoal quanto para não gastar bateria desnecessariamente.

Essa guia ainda conta com opções para configurar, de forma adequada, dispositivos externos conectados (como microfones e instrumentos), com a possibilidade de ajustar os níveis de graves, agudos e reverberação.


Ícone do app Tronsmart
Tronsmartde SHENZHEN GEEKBUY E-COMMERCE LIMITED
Compatível com iPhones
Versão 4.6.2 (44.4 MB)
Requer o iOS 12.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App StoreCódigo QR Código QR

Resistência à água

Outro ponto importante a se considerar é a certificação contra água da Halo 200. Ela possui o selo IPX4, o que significa que é resistente (não à prova) a respingos d’água — então tenha cuidado para não deixá-la cair na piscina durante aqueles momentos de diversão mais “agitados”!

Preço e disponibilidade

A Tronsmart Halo 200 está disponível para compra diretamente no Brasil pelo AliExpress. Como há um estoque no Brasil, não será necessário pagar nenhuma taxa extra além dos valores que mencionarei abaixo, já que o frete é gratuito.

No momento em que este post está sendo escrito, apenas a Halo 200 (isso é, sem microfones) está custando por volta de R$1.215, enquanto o modelo com um microfone está saindo por R$1.485 e o com dois, por R$1.640 — todas as versões com cerca de 25% de desconto.

Novamente, cabe destacar a impossibilidade de comprar um microfone de maneira independente — então pense bem nesse detalhe antes de escolher qual versão adquirir, pois será um caminho sem volta.

Conclusão

Em suma, caso você esteja procurando por uma caixa de som potente, com uma boa qualidade de som e ao mesmo tempo um bom custo-benefício, a Tronsmart Halo 200 certamente é uma opção boa a se considerar.

Ela dificilmente decepcionará naquela festa com amigos no fim de semana, contando com a função karaokê como um plus interessante para quem gosta não apenas de ouvir músicas, mas também de fazer parte delas!

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão sobre vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Vídeo: protegendo/escondendo apps e o app Senhas do iOS 18!

Posts Relacionados