O melhor pedaço da Maçã.

Novidades de IA da Siri poderão chegar só com o iOS 18.4, no ano que vem

Koshiro K / Shutterstock.com
Página da Siri em um iPhone

Ainda na mais recente edição da newsletter “Power On” (da Bloomberg), sobre a qual já falamos mais cedo, o jornalista Mark Gurman forneceu algumas informações referentes ao suposto cronograma de lançamento da Apple para a “nova Siri”, a qual ganhará um novo design e será alimentada pela Apple Intelligence.

Publicidade

De acordo com pessoas inteiradas com o assunto ouvidas pelo jornalista, a maioria dos recursos que chamaram a atenção no anúncio da nova Siri não estarão disponíveis já no lançamento do iOS 18 — entre os quais estão a possibilidade de a assistente realizar ações poderosas dentro de apps, entendendo melhor o contexto do que está sendo executado pelos usuários.

Esses recursos nem deverão entrar em fase de testes públicos neste ano. Segundo Gurman, eles provavelmente serão lançados na beta para desenvolvedores em janeiro, com previsão para que sejam lançados apenas no período da primavera do hemisfério norte (entre março e junho), como parte do iOS 18.4 — já em desenvolvimento pela Apple atualmente.

De qualquer forma, quem está ansioso por algum nível de novidade na Siri não ficará a ver navios por completo neste ano, visto que algumas coisas como o novo design e a integração com o ChatGPT deverão chegar ainda em 2024. Gurman já havia mencionado que a conversação mais natural e o modo de digitação para interagir com a assistente deverão chegar já com os novos sistemas.

Publicidade

A nova Siri, vale recordar, será lançada inicialmente apenas no iOS 18, no iPadOS 18 e no macOS Sequoia 15. Pelo menos até agora, tudo indica que a Apple não tem planos de levar a Apple Intelligence (e, consequentemente, a assistente evoluída) a produtos como o Apple Watch, a Apple TV e o HomePod — embora seja esperada uma expansão para o Apple Vision Pro a curto prazo.

Quem quiser utilizar esses recursos da Apple Intelligence em dispositivos domésticos, segundo Gurman, deverá esperar até o lançamento do robô pessoal alimentado por inteligência artificial, o qual estaria sendo desenvolvido atualmente pela empresa.

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Microsoft obrigará seus funcionários a usarem apenas iPhones na China

Próx. Post

Apple demitiu funcionário injustamente por assédio sexual, decide Justiça britânica

Posts Relacionados