O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Depois de quase quatro anos, Fluid chega à versão 1.0

Três anos e meio. Foi esse o tempo necessário para os desenvolvedores do Fluid acertarem o passo e finalmente lançarem sua versão 1.0, capaz de “converter” web apps em aplicativos com a experiência de usuário do Mac OS X.

Publicidade

É claro que eles ganham uma camada extra de adaptação nativa ao sistema, mas não vão muito além de serviços web com o seu próprio ícone no Dock — contudo, web apps formatados com o Fluid têm muito mais potencial de uso quando combinados com recursos em HTML5, incluindo cache local e processamento em múltiplos núcleos.

O Fluid também oferece notificações integradas, mas os responsáveis por ele ainda precisam pensar em como programar funções para serem exibidas no ícone do Dock ou na barra de menus, a exemplo do que o novo Internet Explorer 9 oferece no Windows.

O Fluid 1.0 possui uma versão gratuita [ZIP; 2,3MB] que é suficiente para agradar a maioria dos usuários, mas quem desejar personalizar web apps com folhas de estilos, individualizar o armazenamento de cookies ou até contar com um ícone na barra de menus do Mac OS X deve optar pela versão paga, que custa US$5. O aplicativo requer o Snow Leopard e não deverá ir para a App Store.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Intel Atom

Para analista, Intel deveria produzir processadores usados pela Apple em iGadgets

Próximo Artigo
iPhone com jailbreak (corrente)

Lima promete instalar aplicativos em iGadgets por meio do Mobile Safari

Posts Relacionados