Visando invalidar patentes da Apple, Samsung processa órgão federal australiano

Lutador de boxe

Na Austrália, a Samsung resolveu atacar a fonte e processou ninguém menos que o órgão australiano regulador de patentes (Australian Commissioner of Patents), ou seja, o governo federal do país. O motivo? Ela quer forçar uma revisão de algumas patentes da Apple as quais foram utilizadas em um processo contra ela — se você não lembra/sabe, foi lá que a Apple conseguiu banir as vendas do Galaxy Tab por bastante tempo.

Publicidade

Lutador de boxe

De acordo com os advogados da Samsung, quatro patentes da Maçã foram garantidas inapropriadamente — o órgão não teria poderes para concedê-las, além de elas terem sido duplicatas de outros inventos já garantidos no sistema de patentes australiano. Justamente por isso, a empresa busca uma revisão geral.

O julgamento está marcado para o dia 25 de junho e a juíza Annabelle Bennett, a mesma que comandou as brigas entre Apple e Samsung, será a responsável pelo caso. As patentes em questão são as de número 2.006.330.724 (slide to unlock), 2.007.283.771 (dispositivo eletrônico para gerenciamento de foto), 2.008.201.540 (lista de rolagem e tradução de documentos, escala e rotação em um tela sensível ao toque) e 2.009.200.366 (idem a ‘540).

Publicidade

Segundo Mark Summerfield, especialista na área, processos contra comissários de patentes normalmente são resolvidos de forma rápida. Ele disse ainda que o pedido da Samsung é legítimo — caso ela ganhe, as patentes serão canceladas, o que beneficiará a sul-coreana no processo com a Apple, o qual corre paralelamente.

[via iTnews.com.au]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…