O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Eis as apostas da equipe MacMagazine para o evento especial da Apple do dia 22 de outubro [atualizado 2x]

Convite da Apple - evento no dia 22

Mais um evento especial da Apple se aproxima — ele será realizado no dia 22 de outubro (terça-feira) — e, enquanto estamos na expectativa, alguns membros da equipe MacMagazine resolveram dar seus pitacos sobre o que esperar da apresentação.

Publicidade

Convite da Apple - evento no dia 22

Confira as nossas apostas — em ordem alfabética:

Dieyson França Padilha

AutorMinha primeira aposta é o lançamento de um novo iPad mini com tela Retina, processador A7 (de 64 bits), carcaça disponível em mais cores (cinza espacial, prateado e dourado, igual às do iPhone 5s) e Touch ID. Já para o iPad de quinta geração eu espero praticamente as mesmas coisas, porém mantendo as cores de atuais — contudo, ele teria alguma nova função inédita, presente apenas nele.

Também acredito na liberação oficial do OS X Mavericks para o grande público, além de uma atualização na linha de MacBooks Pro outra para a Apple TV (que chegaria à quarta geração com um novo processador).

Eduardo Marques

AutorMais uma vez, infelizmente não acho que teremos grandes surpresas nesse evento da Apple. Mas como essa aposta não está valendo dinheiro, não custa nada arriscar um pouco mais do que o normal. 😉

Um novo iPad de quinta geração (com um visual exatamente igual ao do mini) e iPad mini são mais do que esperados. Eu acredito que a Apple continuará diferenciando os produtos não apenas por tamanho de tela, oferecendo diferenciais no iPad de 9,7 polegadas. Ainda assim, acredito que ambos serão oferecidos nas cores cinza espacial e prateado — quem sabe um dos modelos também em dourado. Aposto na chegada da tela Retina (em iPads mini) e na chegada do Touch ID, também. Contudo, acho que o mini será equipado com o processador A6 — caso ele venha com um A7, o iPad maior viria com um A7X, por exemplo. Além disso, apenas o modelo maior continuará sendo oferecido com uma capacidade de 128GB.

Para completar, a Apple demostrará rapidamente as novas versões de seus aplicativos para iOS, como iMovie, iPhoto, GarageBand, Pages, Keynote, Numbers, iBooks, iTunes U, Remote, Podcasts, Buscar Meu iPhone, Buscar meus amigos, etc. Como disse no MacMagazine no Ar #060, quero muito acreditar na liberação de um SDK (software development kit, ou seja, kit de desenvolvimento de software) para a Apple TV, permitindo que desenvolvedores criem apps superinteressantes para as nossas “velhas TVs”, também — quem sabe até com a chegada de um novo hardware, trazendo surpresas agradáveis. O lançamento do OS X Mavericks, de novos MacBooks Pro — e quem sabe Macs mini — é mais do que esperado para essa semana, ainda que não ache necessário comentar isso durante o evento.

Rafael Fischmann

AutorO evento tem tudo para ser focado em iPads, então começo com as minhas apostas para eles:

  • iPad de quinta geração: design inspirado no mini, perdendo um pouco em largura (moldura menor), espessura e peso. Ganhará um processador A7[X] de 64 bits, terá a versão preta transformada num cinza espacial e, pelo jeito, junto da prata teríamos a adição de uma dourada como o iPhone 5s. O chip 4G LTE também deverá seguir o caminho do smartphone, suportando mais bandas em todo o mundo (sim, com versões compatíveis com o padrão brasileiro), mas eu ainda não aposto num sensor Touch ID. Por fim, creio que a Apple abandonará a versão de 16GB e manterá três modelos: 32GB por US$500, 64GB por US$600 e 128GB por US$700 — com as versões Wi-Fi + Cellular custando US$130 a mais cada. Por falar nisso, quem sabe ele já suporte também um Wi-Fi 802.11ac.
  • iPad mini de segunda geração: eu ainda duvidava de uma tela Retina, porém passei a acreditar quando ouvi rumores que dizem que ela só foi possível graças a um pequeno aumento na espessura do mini (o que eu não acho legal, mas…). Originalmente também apostaria que ele viria com um processador A6[X], mas os rumores estão fortes quanto a ele pular direto para um A7[X]. Não vazaram carcaças coloridas, então acho difícil que ele siga o estilo do iPhone 5c — talvez em termos de cores as opções sejam as mesmas para os dois iPads. O novo chip 4G LTE também deverá chegar ao mini e as opções seriam de 16GB por US$330, 32GB por US$430 e 64GB por US$530 — com as versões Wi-Fi + Cellular saindo por US$130 a mais cada.

Todos esses novos iPads ganhariam também Smart Covers (e Smart Cases, talvez) atualizadas — especialmente a do modelo de 9,7 polegadas deverá ficar parecida com a atual dos minis, sem a dobradiça exposta em alumínio.

Publicidade

Antes de lançar os iPads, acho que a keynote deverá dar uma rápida passada por Macs: a data de liberação oficial do OS X Mavericks será anunciada (quem sabe para o mesmo dia, ou talvez para 1-2 dias depois) e creio que os MacBooks Pro com tela Retina serão atualizados com processadores “Haswell” da Intel, memória flash mais rápida (PCIe), gráficos melhorados e Wi-Fi 802.11ac.

Publicidade

Porém, assim como disse no nosso último podcast, acho improvável que o evento seja apenas para isso. Depois dos novos iPads, acho que Tim Cook & cia. poderão apresentar algo mais inesperado — seja isso uma versão atualizada da Apple TV, uma “iTV” ou algo como o “iWatch”.

Silvio Sousa Cabral

AutorHá quem esteja a espera de um novo produto bombástico na semana que vem, mas não tenho certeza de que isso acontecerá. Pelas notícias que vêm surgindo nos últimos dias, eu acredito que o evento do próximo dia 22 será focado em atualizações para vários dos setores nos quais a Apple atua. É iminente que veremos novos modelos de iPads junto a mais uma atualização incremental para o iOS 7 — sem falar em alguma menção ao OS X Mavericks (o qual, por algum motivo, me faz pensar que ainda trará alguma surpresa) e ao novo Mac Pro.

A Apple também está devendo novas versões dos aplicativos da suíte iLife, a promoção do iWork para iCloud a uma versão estável e atualizações para outros modelos das linhas Macs e iPods. Isso equivale ao “muito que ela alega ter a cobrir” na próxima terça-feira, de forma que, mesmo que algum desses tópicos fique de fora, é pouco provável que exista algo além deles à nossa espera.

Vinicius Porto

AutorNão estou tão empolgado e talvez isso até me ajude a não me decepcionar — ou a me surpreender! Imagino um novo iPad redesenhado, com Touch ID; um iPad mini com 128GB, tela Retina — o que finalmente me fará comprar um — e as mesmas cores do iPhone 5c; novos MacBooks Pro e, é claro, a chegada do OS X Mavericks.

Estou curioso pra ver em que área a Apple vai inovar agora, ou pelo menos justificar o convite que conta com a frase “We still have a lot to cover” (algo como “Nós ainda temos muito a cobrir.”). 😛

Atualização · 21/10/2013 às 00:46

Thiago Drummond

AutorAcredito que o evento do dia 22/10 será muito mais intenso do que a apresentação dos novos iPhones. Começando com números do iOS 7 e dos novos iPhones e, em seguida, as novas e unificadas suítes iWork e iLife (Pages, Numbers, Keynote; iPhoto, iMovie e GarageBand) com design e recursos totalmente novos, focando numa maior integração entre Mac e iOS.

Seguindo, teremos comentários sobre o OS X Mavericks, lembrando os recursos e divulgando o seu preço final (US$10?); uma rápida recapitulação sobre o Mac Pro, assim como seu preço e data de início das vendas; e novo Thunderbolt Display com tela Retina, para acompanhar o cilindro.

MacBook Pro com tela Retina atualizado, com preço mais acessível (US$1.300 para o modelo de 13 polegadas e US$1.800 para o de 15 polegadas), novo sistema de microfone, câmera HD e processadores Haswell. Já o iPad de quinta geração, acredito que a Apple voltará com o sufixo, o chamando de “iPad 5”. Além disso, aposto num processador A7X, novo design, câmera aprimorada e Wi-Fi 802.11ac; enquanto isso, o iPad mini de segunda geração virá com tela Retina, processador A6X e câmera similar à do iPhone 5s.

Acho que teremos também uma agradável surpresa em relação ao seguimento de TVs e acredito que é isso que a Apple se referia ao falar “temos ainda muito para cobrir”. A quarta geração de set-up box poderia vir com design similar ao do AirPort Extreme (porém preto), com processador A6/A7, Wi-Fi 802.11ac e suporte à resolução 4K — infelizmente sem apps (por enquanto), mas com um novo serviço para assinatura de séries e filmes.

Atualização II · 21/10/2013 às 11:19

Marcelo de Melo

AutorSão tantos rumores que fica até difícil saber o que é ou não viável. Porém, achei o evento de apresentação dos novos iPhones muito curto e acredito que o de amanhã deverá ser mais recheado de novidades.

Desde o lançamento do iOS 7 que eu espero por uma atualização das suítes iWork e iLife, as colocando em pé de igualdade com a nova versão do sistema operacional para iGadgets. Espero também uma nova versão do iWork para Macs, não atualizada de forma significativa desde 2009!

Quanto ao OS X Mavericks, prevejo a divulgação do valor final — possivelmente podendo ser comprado amanhã mesmo. Novos MacBooks Pro com tela Retina, Macs mini e AirPort Express — todos sem alteração de preço — e a data/preço de lançamento do novo Mac Pro também deverão fazer parte do evento.

Em relação aos novos iPads, espero um novo design para o modelo maior (com grande inspiração na versão mini), nova câmera, novo processador e talvez algum novo recurso incrível (não custa sonhar)! Já no caso do iPad mini, em sua segunda geração, um novo processador e possivelmente tela Retina já seriam ótimas novidades.

Os iPods, não atualizados desde o evento de setembro de 2012, receberiam pequenas melhorias e talvez alterações de preço.

Ver comentários do post

Artigo Anterior
Ícone do app Chromecast para iOS

Aplicativo Chromecast para iPads e iPhones/iPods touch chega à App Store brasileira

Próximo Artigo
iPhone 5s - Metal Mastered

↪ Apple veicula o primeiro comercial do iPhone 5s: "Metal Dominado"

Posts Relacionados