O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Gráfico oficial do novo chip Apple M1

Bateria de Macs M1 é tão boa que a Apple achou que fosse bug

Pelo visto, o chip M1 surpreendeu até mesmo a equipe da Apple, como revelado pelo vice-presidente mundial de marketing de produtos da Apple, Bob Borchers, em uma entrevista ao Tom’s Guide.

Publicidade

Segundo Borchers, eles pensaram que o Mac tinha algum bug quando viram o chip M1 da Apple em ação pela primeira vez — isso porque o indicador de bateria não caía, mesmo horas após usar a máquina.

Quando vimos aquele primeiro sistema [do chip M1], mexemos com ele por algumas horas e a bateria se manteve, então pensamos: “Cara, isso é um bug, o indicador da bateria está quebrado.” E então Tim [Millet] riu ao fundo e disse: “Não, é assim que deveria ser” e foi bastante fenomenal.

Além disso, segundo o vice-presidente de arquitetura de plataforma da Apple, Tim Millet, a prioridade da companhia era fazer o melhor chip do mercado.

Se outra pessoa pudesse construir um chip que realmente proporcionasse melhor desempenho dentro daquele gabinete, qual seria o ponto? Por que mudaríamos? E então, para meus arquitetos de chips, esse era o objetivo.

Millet destacou, ainda, que a Apple começou a trabalhar no software de emulação Rosetta anos antes do chip M1 — para garantir que a transição para o Apple Silicon fosse perfeita e que “tudo funcionasse como esperado”.

Publicidade

Começamos um pequeno projeto, anos antes de iniciarmos a transição para o Apple Silicon, para tentar ter certeza de que poderíamos realmente entregar a segunda geração do Rosetta de uma forma que nos permitisse fazer isso perfeitamente. E acreditamos que essa foi uma grande parte da história de transição, tudo deu certo como esperado.

Nenhum dos executivos discutiu o que a companhia tem em mente para o futuro do Apple Silicon — no entanto, Milet contou que ela pode estar vislumbrando se aproximar da comunidade gamer.

Algumas pessoas audaciosas da equipe de GPU1 imaginam: “Ei, não seria ótimo se [o Apple Silicon] atingisse um conjunto mais amplo de jogadores realmente intensos?” É a situação perfeita para trabalharmos de perto com nossa equipe do [engine] Metal. Amamos o desafio.

Vale notar que o chip M1 foi o ganhador deste ano do prêmio anual do Tom’s Guide, na categoria “Revelação”.


MacBook Pro de 13" (miniatura)
MacBook Pro de 13″ de Apple Preço à vista: a partir de R$15.569,10
Preço parcelado: em até 12x de R$1.441,58
Características: chip Intel ou M1
Cores: cinza espacial ou prateado
Lançamento: 2020

MacBook Air (miniatura)
MacBook Air de Apple Preço à vista: a partir de R$11.699,10
Preço parcelado: em até 12x de R$1.083,25
Características: chip M1
Cores: cinza espacial, dourado ou prateado
Lançamento: 2020

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão por cada venda concluída por meio dos links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via iMore

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
WhatsApp

WhatsApp permitirá enviar imagens sem perda de qualidade

Próximo Artigo
Thumbnail do novo comercial da Apple que destaca a integração do Apple Watch com o iPhone

Novo comercial da Apple destaca integração do iPhone com o Watch

Posts Relacionados