Se você tira muitas screenshots no Mac, o CleanShot pode ser um excelente aliado seu

No finalzinho do ano passado, publicamos um vídeo em nosso canal do YouTube ensinando todos vocês a se tornarem mestres em screenshots no Mac.

Publicidade

Sem dúvida nenhuma, os recursos nativos de captura de tela do macOS são muito bons e suficientes para a grande maioria das pessoas. Mas, se você faz muito uso dessa função, um software extra dedicado à tarefa pode ser interessante.

É aí que entra a nossa dica de hoje, chamada CleanShot. O utilitário, desenvolvido pela MakeTheWeb, leva a captura de screenshots no Mac para outro nível.

A ideia dele é de fato substituir as ferramentas nativas do sistema operacional, a começar pelos atalhos padrão de captura. Ele roda na barra de menus do macOS e oferece uma infinidade de recursos e personalizações muito interessantes.

Para começo de história, logo quando você tira uma screenshot usando o CleanShot, uma miniatura aparece no canto da tela com alguns ícones práticos de ação: você pode copiar a imagem, salvá-la como arquivo, arrastá-la para onde quiser, subi-la para a CleanShot Cloud (por ora, um serviço gratuito, cujos uploads expiram em 30 dias) ou editá-la/anotá-la.

A interface de edição/anotação é bem completa, oferecendo ferramentas de corte, formas, linhas, setas, texto, censura e mais.

Mas claro, o CleanShot vai além. É possível capturar janelas inteiras com rolagem (em qualquer aplicativo), gravar a tela em vídeo ou GIF, esconder automaticamente ícones da sua Mesa (Desktop) e até trocar temporariamente a imagem de fundo (genial!), redimensionar imagens Retina e muito mais.

O software é realmente muito completo e bem pensado, criado por quem entende as necessidades de pessoas que precisam capturar muitas imagens ou vídeos no Mac.

O CleanShot não tem versão gratuita de testes, mas a MakeTheWeb dá garantia de devolução do dinheiro em até 30 dias caso ele não lhe satisfaça — o que eu duvido muito. A licença para um Mac sai por US$29, e ele também está disponível para assinantes do Setapp.

Em breve, eles lançarão também uma versão “Pro”, paga, da CleanShot Cloud com recursos avançados e sem limite de expiração para os uploads.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…