O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Conceito do suposto "Apple Car"

“Apple Car” poderá chegar em 2024 com “bateria revolucionária”

Os rumores estão mais vivos do que nunca!

E vejam só quem ressuscitou com força: depois de meses (ou mesmo anos) adormecidos, os rumores do “Apple Car” voltaram com força total nas últimas semanas — com a especulação, inclusive, de que a Maçã poderá fazer uma apresentação especial do seu suposto veículo autoguiado já em setembro de 2021.

Publicidade

Agora, a Reuters, uma das agências de notícias mais respeitadas do mundo, chegou com suas próprias informações — e elas são um pouco mais longínquas, mas corroboram a ideia de que sim, existe um carro sendo projetado nos porões de Cupertino, seja lá como ele for.

Citando pessoas próximas ao assunto, a reportagem afirmou que a equipe do “Projeto Titan” recebeu sinal verde para seguir com seu projeto de direção autônoma. O objetivo é que a produção do veículo seja iniciada em 2024, embora os planos possam ser adiados para 2025 ou além por conta da pandemia do novo Coronavírus (COVID-19).

E mais: o “Apple Car” deverá chegar ao mundo com uma “tecnologia de bateria revolucionária”. Embora a matéria não especifique qual tipo de inovação seria essa, temos algumas pistas:

Publicidade

Uma parte central da estratégia da Apple é um novo design de bateria que poderia reduzir “radicalmente” o custo dos componentes e aumentar a autonomia do veículo, de acordo com uma pessoa que teve acesso aos projetos da empresa. […] A Apple pretende usar um design “monocelular” que une as células individuais da bateria e libera espaço no componente ao eliminar bolsos e módulos que abrigam materiais da bateria, segundo uma das fontes. O design da Apple permite que mais material ativo seja reunido dentro da bateria, dando ao carro uma autonomia potencialmente maior. A empresa também está testando uma química para a bateria chamada LFP (fosfato de ferro e lítio), que, segundo a fonte, é naturalmente menos tendente a superaquecer, e portanto mais segura do que outros tipos de baterias de íons de lítio.

“É revolucionária”, disse a fonte sobre a tecnologia de bateria da Apple. “Como a primeira vez que você viu o iPhone”.

Apesar disso, a reportagem não cravou se o “Apple Car” será um veículo totalmente projetado e produzido pela Maçã ou se a empresa fará parcerias com montadoras já estabelecidas para as partes finais do projeto — essa segunda opção, segundo as fontes ouvidas pela Reuters, parece ser mais provável. Também é possível que a Maçã simplesmente venda sua tecnologia de direção autônoma para as montadoras, segundo pessoas ouvidas pela matéria.

A colaboração da Apple com outras empresas não seria novidade no “Projeto Titan”: ainda segundo a matéria, a Maçã contou com o apoio e a consultoria de outras companhias e startups em vários aspectos de desenvolvimento do projeto, como os sensores LiDAR que “enxergam” as ruas, estradas e elementos da via para possibilitar o sistema de direção autônoma. É possível, inclusive, que o “Apple Car” conte com vários scanners do tipo, para lidar com objetos em diferentes distâncias.

Resta saber, agora, como a Apple entrará num mercado tão complexo e tão específico — e, se/quando ela o fizer, de que forma ela mudará os paradigmas já existentes. O futuro é, realmente, muito animador.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
MacBook Pro mostrando apresentação da Apple (destaque para bateria)

Como forçar o carregamento da bateria no macOS Big Sur

Próximo Artigo
Apple Watch SE

Oferta: Apple Watch SE de 44mm com 23% de desconto!

Posts Relacionados