O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple e privacidade

Apple expõe como empresas podem rastreá-lo em apps e sites

A Apple “celebrou” o Dia Internacional da Privacidade de Dados (hoje, 28 de janeiro) divulgando algumas informações importantes sobre como suas plataformas e serviços administraram dados de usuários.

Publicidade

Além disso, a companhia disponibilizou um novo documento [PDF] chamado “A Day in the Life of Your Data” (ou “Um Dia na Vida dos Seus Dados”, em tradução direta). Nele, a Maçã mostra que anunciantes, corretores de dados, empresas de mídias sociais e outras entidades podem obter suas informações mesmo que você não tenha interagido com nenhum deles.

A Apple dá o exemplo de um pai e sua filha que aproveitam um dia no parque e tiram fotos, as editam com um aplicativo e compartilham tudo isso nas redes sociais — uma série de ações aparentemente “inocentes” que, ainda assim, resultam em dados sendo coletados e rastreados em vários aplicativos.

Essas empresas sabem a localização da casa da sua família, o parque que vocês visitaram, os sites de notícias que leram, os produtos que navegaram, os anúncios que assistiram, seus hábitos de compra e as lojas que visitaram.

A Apple lista vários recursos de privacidade que teriam dado ao pai e à filha mais transparência e controle sobre seus dados — incluindo a opção de dar aos apps de edição e rede social acesso apenas à foto selecionada, em vez de a toda a biblioteca de fotos.

Publicidade

O documento também destaca os quatro principais princípios de privacidade da Apple e fornece mais informações sobre o App Tracking Transparency (ATT), recurso de privacidade o qual exigirá que aplicativos solicitem permissão para rastrear usuários e chegará na próxima versão do iOS/iPadOS.

Segundo o chefe de engenharia de software da Apple, Craig Federighi, o objetivo da empresa com esses recursos é “manter informações pessoais seguras e protegidas”.

Privacidade significa paz de espírito, significa segurança e significa que você está no banco do motorista quando se trata de seus próprios dados. Nosso objetivo é criar tecnologias que mantenham as informações das pessoas seguras e protegidas. Acreditamos que a privacidade é um direito humano fundamental e nossas equipes trabalham todos os dias para incorporá-la em tudo o que fazemos.

O CEO1 da Apple, Tim Cook, falará hoje sobre privacidade de dados na conferência CPDP 2021, a qual será transmitida ao vivo pelo YouTube a partir das 13h15 pelo horário de Brasília.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
App Tracking Transparency

Próxima versão do iOS virá com sistema antirrastreamento

Próximo Artigo

SmartGym 5.3 ganha novíssimas animações de exercícios

Posts Relacionados