O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Risco de interferência do iPhone 12 em marcapassos é baixo, diz FDA

Marcapassos
Shutterstock.com

Logo após o lançamento da linha iPhone 12, uma polêmica envolvendo a possível interferência dos novos smartphones no funcionamento de marcapassos e CDIs (desfibriladores implantáveis) surgiu como preocupação para muitos usuários.

Publicidade

Foi uma saga e tanto, mas hoje a Food and Drug Administration (FDA — como se fosse a “Anvisa dos Estados Unidos”) anunciou — após conduzir seus próprios testes — que o risco de interferência dos novos iPhones em dispositivos médicos é baixo.

Para quem não está familiarizado com o problema, os iPhones 12 possuem um anel de 18 ímãs que torna possível o uso de acessórios MagSafe. Logo após as primeiras preocupações surgirem sobre as possíveis interferências, a Apple afirmou que os ímãs presentes nos novos iPhones não representariam nenhum risco extra a usuários de aparelhos médicos implantados; logo depois, contudo, um estudo mostrou que isso não era totalmente verdade; a Maçã voltou atrás e publicou um alerta em seu site.

Hoje, a FDA deixou claro que os iPhones 12 realmente não representam um risco alto quando se trata da interferência nesses dispositivos. Contudo, segundo ela, algumas medidas devem ser adotadas:

Publicidade
  • Manter eletrônicos de consumo, como certos telefones celulares e smartwatches, a 15 centímetros de distância de dispositivos médicos implantados — já que alguns desses eletrônicos possuem ímãs de alta intensidade de campo, capazes de afetar as operações normais de alguns aparelhos.
  • Não guardar produtos eletrônicos de consumo em bolsos sobre o dispositivo médico implantado.
  • Usuários devem conversar com seus médicos se tiverem duvidas sobre ímãs em eletrônicos de consumo e sua interferência em dispositivos médicos implantados.

Todas essas informações fornecidas pela FDA corroboram as pesquisas que já haviam sido publicadas a respeito da interferência. Pelo visto, está claro, mesmo que os novos iPhones não imponham um risco grave sobre marcapassos e CDIs, é importante mantê-los sempre a uma distância segura em relação ao seu corpo.


iPhones 12 Pro (miniatura)
iPhones 12 Pro e 12 Pro Max de Apple Preço à vista: a partir de R$9.899,10
Preço parcelado: em até 12x de R$916,58
Cores: grafite, prateada, dourada e azul-pacífico
Capacidades: 128GB, 256GB ou 512GB
Lançamento: outubro de 2020

iPhones 12 mini e 12 roxo
iPhones 12 mini e 12 de Apple Preço à vista: a partir de R$5.129,10
Preço parcelado: em até 12x de R$474,92
Cores: branca, preta, azul, verde, roxa e (PRODUCT)RED
Capacidades: 64GB, 128GB ou 256GB
Lançamento: outubro de 2020

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão por cada venda concluída por meio dos links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via 9to5Mac

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Magic Mouse 2 na cor cinza espacial à venda (por pouco tempo) na Apple Store online brasileira

Apple deixará de vender mouse, teclado e trackpad na cor cinza espacial

Próximo Artigo
App NHS com símbolo da Apple e do Google

App anti-COVID do Reino Unido já evitou entre 4 e 8 mil mortes, diz estudo

Posts Relacionados