O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple, Google e Mozilla se juntam para padronizar extensões de navegadores

Rumo a um futuro mais compatível — ou assim esperamos
Navegadores
Koshiro K / Shutterstock.com

O assunto extensões de navegadores é capaz de causar calafrios em qualquer pessoa — especialmente pelo fato de que os plugins não conversam entre si e não podem ser utilizados em diferentes browsers (salvo raras exceções). Agora, isso pode estar para mudar.

Publicidade

De acordo com a CNET, a Apple, o Google, a Mozilla e a Microsoft se uniram para formar um novo grupo com o objetivo de tornar as extensões de navegadores mais intercompatíveis e fáceis de se desenvolver. O grupo, chamado WebExtensions Community Group (WECG), iniciou recentemente os trabalhos e está aceitando outros membros da comunidade de desenvolvedores e empresas de navegação online.

Ainda não há detalhes sobre as tecnologias ou as novidades técnicas que resultarão da empreitada, mas a ideia é padronizar a forma como as extensões funcionam (e são desenvolvidas) entre todos os principais navegadores do mundo — Safari, Chrome, Edge e Firefox, nomeadamente — para torná-los mais fáceis de usar, com compartilhamento de funcionalidade, APIs1 e permissões.

Além disso, outro objetivo do grupo é priorizar a segurança dos usuários, impedindo que as extensões excedam suas necessidades e coletem dados além do estritamente necessário. O WECG já criou um repositório especial no GitHub, para quem se interessar em checar o andamento dos trabalhos (e, quem sabe, colaborar com o desenvolvimento das novidades).

Publicidade

Naturalmente, é cedo para dizer se esse é o primeiro passo rumo a um futuro idílico em que toda extensão funcionará em qualquer navegador (e dispositivo) que você queira trabalhar. Se o grupo for bem-sucedido, entretanto, temos motivos a comemorar desde já.

via AppleInsider

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Android

Seguindo a Apple, Google também limitará rastreio entre apps no Android

Próximo Artigo
Novo recurso do Evernote, o "Tarefas"

Evernote lança "Tarefas", alternativa ao Trello e ao Asana

Posts Relacionados