O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Quantos dias preciso trabalhar para comprar um iPhone 13 Pro?

Dinheiro
Shutterstock.com

Todos os anos, a equipe de análise da Picodi (uma empresa voltada para cupons) realiza um levantamento para compreender quantos dias uma pessoa precisa trabalhar para comprar um iPhone. Com o lançamento dos novos dispositivos, o departamento renovou seu estudo, agora com base no preço do iPhone 13 Pro de 128GB.

Publicidade

Tal como cobrimos ontem, os modelos recém-anunciados chegarão ao Brasil “mais baratos” do que os lançados no ano passado. Dessa forma, o preço oficial à vista do iPhone 13 Pro de entrada em nosso território será de R$8.549,10, R$450 mais barato que o 12 Pro em seu lançamento original por aqui.

Então, baseando-se na média salarial de vários países, a Picodi estipulou quantos dias são necessários para adquirir o dispositivo (isso, claro, sem contar outras despesas da vida do indivíduo), considerando 21 dias trabalhados por mês — isto é, o número médio de dias úteis em um mês.

Segundo dados recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o salário médio dos brasileiros é de R$2.515 bruto (R$2.226 líquido) — implicando dizer que, estatisticamente, um brasileiro teria que trabalhar por 79,2 dias para pagar o iPhone 13 Pro de 128GB.

Em comparação com o estudo do ano passado, o resultado melhorou em 4,1 dias; já em comparação com 2019, o cenário piorou em 15,5 dias; comparando ao levantamento de 2018, também tivemos um aumento — nesse caso, de 12,7 dias.

Publicidade

Sem surpresas, a Suíça aparece no outro extremo da lista — por lá, os cidadãos podem comprar o novo aparelho em apenas 4,4 dias trabalhados; nos Estados Unidos, uma pessoa com o salário médio precisa trabalhar por 5,9 dias úteis para comprar o dispositivo; e em Portugal, são necessários 24,5 dias.

Brasil tem os iPhones mais caros do mundo

Um relatório realizado pela Nukeni revelou que os iPhones no Brasil são uns dos mais caros do mundo… novamente.

Convertendo os preços dos novos modelos para a cotação atual do dólar, o estudo comprovou que os EUA e Hong Kong são países onde se pode comprar os produtos pagando menos. Enquanto isso, o Brasil e Turquia são os mais caros.

Publicidade

Confira as comparações de alguns modelos:

iPhone 13 mini de 128GB

  • Estados Unidos: US$729
  • Hong Kong: US$771,27
  • Canadá: US$785,28
  • Tailândia: US$785,80
  • Japão: US$791,52
  • Itália: US$990,52
  • Hungria: US$995,29
  • Suécia: US$998,42
  • Brasil: US$1.256,21
  • Turquia: US$1.301,56

iPhone 13 de 128GB

  • Estados Unidos: US$829
  • Hong Kong: US$874,13
  • Japão: US$900,95
  • Tailândia: US$907,16
  • Canadá: US$904,40
  • Hungria: US$1.130,25
  • Noruega: US$1.132,10
  • Suécia: US$1.137,82
  • Turquia: US$1.419,90
  • Brasil: US$1.446,57

iPhone 13 Pro de 128GB

  • Estados Unidos: US$999
  • Hong Kong: US$1.092,69
  • Japão: US$1.119,81
  • Emirados Árabes Unidos: US$1.143,05
  • Coreia do Sul: US$1.151,55
  • Dinamarca: US$1.428,77
  • Hungria: US$1.433,91
  • Índia: US$1.627,88
  • Brasil: US$1.808,26
  • Turquia: US$1.893,24

iPhone 13 Pro Max de 128GB

  • Estados Unidos: US$1.099
  • Hong Kong: US$1.208,41
  • Japão: US$1.229,24
  • Coreia do Sul: US$1.270,97
  • Malásia: US$1.272,57
  • Suécia: US$1.567,63
  • Hungria: US$1.568,87
  • Índia: US$1.763,65
  • Brasil: US$1.998,63
  • Turquia: US$2.129,91

Como sabemos, os preços nos EUA não incluem as taxas dos impostos estaduais de venda, que variam de acordo com o estado e geralmente giram entre 3% e 10% do valor da compra (poucos estados, como Oregon e Delaware, não cobram esse imposto local).

Ainda assim, embora os novos dispositivos tenham ficado “menos caros” por aqui, a situação ainda desaponta os brasileiros que querem trocar seus iPhones, mas têm visto o cenário dificultar cada vez mais.

Publicidade

Vamos torcer para que em um futuro breve nossa conjuntura seja outra — mais otimista, de preferência. 🤞🏼


Miniatura dos iPhones 13 Pro e 13 Pro Max
iPhones 13 Pro e 13 Pro Max de Apple Preço à vista: a partir de R$8.549,10
Preço parcelado: em até 12x de R$791,58
Cores: azul-sierra, prateada, dourada ou grafite
Capacidades: 128GB, 256GB, 512GB ou 1TB
Lançamento: setembro de 2021

Miniatura dos iPhones 13 e 13 mini
iPhones 13 e 13 mini de Apple Preço à vista: a partir de R$5.939,10
Preço parcelado: em até 12x de R$549,92
Cores: rosa, azul, meia-noite, espelar ou (PRODUCT)RED
Capacidades: 128GB, 256GB ou 512GB
Lançamento: setembro de 2021

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão por cada venda concluída por meio dos links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via 9to5Mac

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Baixe os wallpapers dos iPhones 13 e do novo iPad mini

Próximo Artigo
iPhone com a Siri sendo acionada

Siri ganhou fala mais natural em português do Brasil; entenda o motivo

Posts Relacionados