O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple Watches Series 7 inclinados, na diagonal

Confirmado: pré-venda do Apple Watch Series 7 começará em 8/10

Como esperado, o novo relógio chegará às lojas no dia 15 de outubro

Na semana passada, comentamos que a pré-venda do Apple Watch Series 7 poderia começar no dia 8 de outubro (próxima sexta-feira), com o relógio chegando de fato ao mercado uma semana depois, no dia 15/10. Pois as datas foram confirmadas pela Apple agora há pouco.

Publicidade

Em um comunicado para a imprensa, a Maçã confirmou as datas, informando que a pré-venda começará nesta sexta-feira às 9h da manhã (pelo horário de Brasília) ou às 13h (horário de Lisboa).

Disponível nos tamanhos 41mm e 45mm, o Apple Watch Series 7 é o Apple Watch mais durável de todos os tempos, com um cristal frontal mais forte e resistente a rachaduras. É o primeiro Apple Watch a ter uma certificação IP6X para resistência à poeira e mantém uma classificação de resistência à água WR50.

O Series 7 tem cantos mais suaves/arredondados e um aproveitamento de tela ainda melhor. O relógio vem com uma interface de usuário otimizada para a tela maior, um novo teclado QWERTY, além de dois mostradores exclusivos (Contorno e Modular Duo). A bateria continua com uma duração de 18 horas, mas agora pode ser recarregada 33% mais rápido.

Nesta nova geração, são cinco cores novas para o modelo de alumínio, incluindo meia-noite, estelar, verde, um novo azul e o já tradicional (PRODUCT)RED — junto, é claro, a uma nova leva de pulseiras (todas ainda compatíveis com as gerações anteriores do relógio). Os modelos de aço inoxidável estão disponíveis em prata, grafite e dourado; já o Apple Watch Edition vem em duas opções: titânio e titânio preto espacial.

Nos Estados Unidos, o Apple Watch Series 7 custará a partir de US$400; já o Apple Watch SE começa em US$280, enquanto o Series 3 (que incrivelmente ainda está à venda) sai por US$200.

Nessa primeira leva, o lançamento do relógio ocorrerá em mais de 50 países/regiões, incluindo — além dos EUA, é claro — Alemanha, Austrália, Canadá, China, Coreia do Sul, Emirados Árabes Unidos, França, Índia, Japão, México, Portugal, Reino Unido e Rússia — o Brasil, pelo menos nesse primeiro momento, está de fora.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Display do iPad Air

Kuo também diz que iPad Air de 2022 não terá display OLED

Próximo Artigo
Teardown do iPhone 13 Pro feito pela iFixit

Fabricação do iPhone 13 Pro encareceu cerca de US$22

Posts Relacionados