O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Chip M1 Pro possui versão “capada”, com 8 núcleos de CPU

Além disso, a GPU também vem com dois núcleos a menos

Os processadores M1 Pro e M1 Max foram anunciados hoje e logo chegarão ao mercado equipando os novíssimos MacBooks Pro.

Publicidade

Mas apesar de todos os ganhos de performance destacados pela Apple durante a sua apresentação, algo que ela “esqueceu” de comentar é que o processador M1 Pro possui duas versões: uma padrão, com 10 núcleos de CPU1, e outra com “apenas” 8 núcleos.

A versão mais barata acessível do MacBook Pro de 14 polegadas, comercializada por R$27 mil (ou US$2 mil, nos Estados Unidos), vem de fábrica com um processador M1 Pro com CPU de 8 núcleos e GPU2 de 14 núcleos. O modelo acima dele, vendido por R$33 mil (ou US$2,5 mil), possui a versão mais parruda do M1 Pro, com 10 núcleos de CPU e 16 núcleos de GPU.

Esse número inferior de núcleos de CPU é provavelmente resultado de um processo conhecido como chip binning, algo comum na indústria — realizado quando nem todos os processadores produzidos passam nos testes de qualidade da empresa. Nesses que falham nos testes, alguns dos seus núcleos são desativados. Isso é tão comum que já ocorre no próprio MacBook Air, o qual conta com chip M1 com opções de 7 e 8 núcleos de CPU.

Publicidade

Algo a se notar, é que, diferentemente do M1, o modelo com 8 núcleos de CPU possui 6 núcleos de alta performance e 2 núcleos de eficiência — contra os 4 de cada no M1. Já o modelo com 10 núcleos conta com 8 de alta performance e 2 de eficiência.

Além da diferença nos processadores, os modelos de 14 polegadas vêm com carregadores diferentes. Enquanto o modelo de entrada (com CPU de 8 núcleos) é acompanhado por um adaptador de 67W, a máquina com 10 núcleos de CPU vem com um adaptador de 96W.

Ambos os modelos também podem ser configurados com um processador M1 Max, com uma CPU de 10 núcleos e GPU de 24 núcleos. Este é basicamente um modelo intermediário entre a opção de 16 e 32 núcleos gráficos.

Publicidade

No fim das contas, não há muito com o que se preocupar sobre da quantidade menor de núcleos na CPU desses Macs — além disso ser uma prática comum na indústria, tenho certeza de que até o modelo mais “capado” do M1 Pro é suficiente para a maioria dos usuários “pro”.


MacBook Pro de 14 polegadas (miniatura)
MacBooks Pro de 14″ e 16″ de Apple Preço à vista: a partir de R$24.299,10
Preço parcelado: em até 12x de R$2.249,92
Características: M1 Pro ou M1 Max
Cores: cinza espacial ou prateado
Lançamento: 2021

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via MacRumors

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Abas do Safari

Apple decide reverter design de abas do Safari no macOS e no iPadOS

Próximo Artigo
Beats Fit Pro

Fones Beats Fit Pro vazam e deverão ser lançados em novembro

Posts Relacionados