O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Rovio Classics: Angry Birds

Versão clássica de Angry Birds é (re)lançada na App Store

A Rovio anunciou hoje o relançamento da versão original do popular jogo mobile Angry Birds, lançada em 2009 e que fez muito sucesso na App Store — principalmente, nos idos de 2012. A nova edição, intitulada Rovio Classics: Angry Birds, traz os mesmos níveis e personagens do título lançado há mais de uma década e foi totalmente refeita com o motor gráfico Unity.

Publicidade

O jogo original da franquia que coloca pássaros contra porquinhos em uma série de quebra-cabeças havia sido removido da App Store em 2019, deixando fãs saudosistas apenas com as edições mais recentes do jogo. Agora, o título está disponível novamente para iPhones e iPads — e adaptado para a resolução dos aparelhos atuais.

Como dito, a nova versão conta com todos os 390 níveis do jogo original, além do pássaro Mighty Eagle — antes disponível apenas através de uma compra adicional, e necessário para desbloquear todas as conquistas do game. Segundo a Rovio, todos os efeitos sonoros, mecânicas e visuais do jogo são idênticos à sua versão de 2012, uma das mais nostálgicas para os fãs.

Assim como em 2009, o jogo não traz nenhum tipo de assinatura ou compra interna, abandonando a fórmula de jogos freemium adotada pela Rovio nos últimos anos.

Publicidade

Rovio Classics: Angry Birds está sendo anunciado pouco tempo depois da chegada de Angry Birds: Reloaded ao Apple Arcade, jogo que reúne elementos clássicos da franquia com mecânicas atualizadas e personagens do filme baseado na série.


Ícone do app Rovio Classics: Angry Birds
Rovio Classics: Angry Birds de Rovio Entertainment Oyj
Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 1.2 (232.4 MB)
Requer o iOS 13.0 ou superior
R$ 4,90Badge - Baixar na App Store Código QR Código QR

via AppleInsider

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Telegram

Justiça dá 30 dias para que Telegram e Signal se regularizem

Próximo Artigo
Cena de "CODA"

Audiência do Apple TV+ sobe 25% após Oscar de "CODA"

Posts Relacionados