O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple Watch Series 6
Hodinkee

Mercado de smartwatches cresce 35%; Apple Watch lidera com folga

O mercado global de smartwatches registrou um crescimento de 35% entre janeiro e março deste ano, quando comparado ao mesmo período de 2020 — é o que diz a Counterpoint Research. A Apple, mais uma vez, manteve seu posto como a principal fabricante e aumentou em 50% a demanda pelo Apple Watch Series 6.

Publicidade

Os dados globais da pesquisa mostram também que todas as fabricantes de smartwatches registraram queda em participação de mercado, menos a Maçã. Do primeiro trimestre de 2020 para o de 2021, sua participação subiu de 30,3% para 33,5%.

A analista sênior da Counterpoint Sujeong Lim afirmou que esse crescimento deve-se à ampliação de seu portfólio de relógios, já que, no ano passado, a empresa manteve seu modelo mais caro e apresentou um menos caro mais barato, o Apple Watch SE.

Comparativamente, a Huawei manteve a vice-liderança do mercado, mas registrou queda na participação — caindo de 10,1%, no ano passado, para 8,4% em 2021. Isso também aconteceu com a Samsung, que detinha 8,5% do mercado de smartwatches e hoje possui apenas 8%.

Com relação aos sistemas operacionais, a CP apontou que o watchOS continua liderando o segmento, quando comparado às outras plataformas. De acordo com os dados apresentados, o SO da Apple detém mais de um terço do mercado.

Notadamente, o relatório menciona que o Wear OS do Google ainda não viu um crescimento significativo no segmento — na verdade, o sistema está disponível em menos de 4% do smartwatches do mundo. Contudo, isso poderá mudar nos próximos anos.

Publicidade

Na semana passada, o Google anunciou uma parceria com a Samsung voltada para o segmento dos vestíveis. As empresas uniram forças e juntarão seus sistemas (Wear OS e Tizen) em uma plataforma única.

Na prática, isso significa que o melhor dos dois mundos será aproveitado: o sistema gastará menos bateria, rodará até 30% mais rápido e terá interface/animações atualizadas. Portanto, podemos esperar que a participação de mercado do Wear OS aumente nos próximos dois ou três anos.

Apple está perdendo espaço para fabricantes menores, diz IDC

Em contrapartida, a International Data Corporation (IDC) também divulgou hoje dados relacionados ao mercado de vestíveis. Segundo a pesquisa, as vendas da Apple continuaram a crescer no primeiro trimestre de 2021, mas a empresa perdeu participação de mercado geral para fabricantes menores.

A Apple começou 2021 da mesma forma que terminou 2020: líder absoluta no mercado mundial de vestíveis. O apetite por seus smartwatches permaneceu forte, com o SE e o Series 3, mais baratos, ganhando ainda mais força no mercado, enquanto seus audíveis — incluindo AirPods e Beats — apresentaram quedas sequenciais após atingirem níveis recordes no quarto trimestre de 2020.

Somadas, todas as empresas venderam mais de 104,6 milhões de unidades no primeiro trimestre deste ano, um aumento de 34,4% em relação às 77,8 milhões vendidas no mesmo período em 2020. Vale ressaltar que essa é a primeira vez que as vendas do primeiro trimestre ultrapassam 100 milhões de unidades globalmente.

Embora a Apple tenha vendido 5 milhões a mais de vestíveis no primeiro trimestre de 2021 e permanecido líder de mercado, a companhia perdeu 3,5% de participação de mercado geral para os concorrentes, principalmente para os menores.

Os dados de vestíveis do IDC incluem smartwatches (como o Apple Watch) e audíveis (como ‌AirPods). A Maçã — e basicamente todas as empresas do setor — não fornece números específicos de vendas desses produtos, portanto os dados da IDC são baseados em estimativas.


Parece que a Apple terá um grande trabalho para se manter líder no mercado de vestíveis e tudo indica que há novidades chegando. Rumores apontam que o “Apple Watch Series 7” virá com cantos mais flat, uma nova cor verde e quem sabe até poderá medir a glicose no sangue.

Além disso, correm especulações sobre os futuros AirPods de terceira geração, que teriam um design muito similar ao dos AirPods Pro, mas provavelmente sem recursos como o Cancelamento Ativo de Ruído e o Modo Ambiente.

Sem contar com os Beats Studio Buds que nem foram lançados, mas apareceram na primeira versão Release Candidate do iOS 14.6, deram as caras nos registros da FCC e até com o astro LeBron James já foram flagrados!

Aguardemos, portanto…


Apple Watch Series 6
Apple Watch Series 6 de Apple Preço à vista: a partir de R$4.769,10
Preço parcelado: em até 12x de R$441,58
Tamanhos: 40mm ou 44mm
Materiais: alumínio, aço inoxidável ou titânio
Características: GPS ou GPS + Cellular
Cores: diversas
Lançamento: setembro de 2020

Apple Watch SE
Apple Watch SE de Apple Preço à vista: a partir de R$3.419,10
Preço parcelado: em até 12x de R$316,58
Tamanhos: 40mm ou 44mm
Materiais: alumínio
Características: GPS ou GPS + Cellular
Cores: diversas
Lançamento: setembro de 2020

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão por cada venda concluída por meio dos links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

via India Today, MacRumors

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
iPhone 12 mini

Oferta: iPhone 12 mini de 128GB com 22% de desconto!

Próximo Artigo
Pôster de "Ghostwriter"

"Ghostwriter" e "Helpsters" são indicados aos Daytime Emmy Awards

Posts Relacionados