O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Ilustração do chip M1

Illustrator, InDesign e Lightroom Classic agora suportam o M1

A Adobe lançou hoje versões do Illustrator, do InDesign e do Lightroom Classic compatíveis nativamente com o chip M1 — e a média do aumento no desempenho é de mais 80% quando comparados a Macs equivalentes com processador Intel.

Publicidade

Vale notar que a versão beta (com suporte preliminar) do Illustrator pro chip M1 foi lançada em abril passado. O Photoshop, por sua vez, se tornou compatível com o Apple Silicon em março, enquanto o suporte nativo para o Lightroom chegou em dezembro.

Muitos fotógrafos, no entanto, preferem usar o Lightroom Classic — que a Adobe mantém como um aplicativo separado dentro do pacote da suíte Creative Cloud.

Com base nos resultados de benchmarks encomendados pela Adobe [PDF], a maioria das operações em Macs M1, incluindo inicialização, importação e exportação, estão no mínimo 50% mais rápidas do que em um Mac equivalente com chip da Intel — seguindo os passos do Photoshop.

Publicidade

Os benchmarks foram executados em MacBooks Pro de 13 polegadas, um com processador M1 e outro com Intel Core i5. Ambos tinham 16GB memória e foram conectados a um Pro Display XDR.

Benchmarks de apps da Creative Clouds em Macs M1

Mais novidades

A Adobe também lançou uma série de atualizações menores hoje, incluindo pincéis personalizados no Photoshop para iPad. Além disso, usuários do Lightroom e do Lightroom Classic agora podem usar a ferramenta de Super Resolução.

Outras novidades do dia incluem:

Publicidade
  • Ecossistema Lightroom: novas predefinições premium, recursos de edição colaborativa e proporções de corte personalizadas no Lightroom.
  • Novos recursos de retoque poderosos no Photoshop Express, incluindo suavização da pele, liquefação e caricatura com reconhecimento de rosto.
  • Girar a visualização no Illustrator na área de trabalho.
  • Novas ferramentas de estilo no Adobe XD: Inner Shadow, Outline Stroke e Angular Gradient.

Vale lembrar que a Adobe lançou a versão beta pública do Premiere Pro com suporte nativo para o chip M1 em dezembro passado, a qual também teve os resultados divulgados hoje — com um lançamento oficial previsto para breve, de acordo com a desenvolvedora.

via The Verge

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Como serão as extensões do Safari para iPhone e iPad

Próximo Artigo
Áudio Espacial no Apple Music

Zane Lowe e Eddy Cue destacam vantagens do Áudio Espacial no Apple Music

Posts Relacionados