O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Funcionário de Apple Store

Funcionários de Apple Stores nos EUA querem formar sindicato

Funcionários de algumas Apple Stores nos Estados Unidos que estão insatisfeitos com as condições de trabalho estariam se organizando para se sindicalizar, de acordo com uma nova reportagem do The Washington Post.

Publicidade

Segundo as informações, trabalhadores de pelo menos duas lojas estão se preparando para apresentar, em breve, documentos ao Conselho Nacional de Relações Trabalhistas — e pelo menos meia dúzia de outros locais estariam em estágios iniciais do processo de sindicalização. Isso, no entanto, vinha sendo realizado secretamente, já que os funcionários estavam preocupados com a possibilidade de a Apple derrubar a iniciativa.

Funcionários de várias lojas da Apple em todo o país estão trabalhando discretamente para se sindicalizar, de acordo com pessoas familiarizadas com o assunto, já que a crescente dissidência entre os trabalhadores horistas ameaça atrapalhar uma das gigantes da tecnologia mais impassíveis.

A reportagem aponta que os trabalhadores reclamam de salários estagnados e que, mesmo vendendo um maior número de produtos, a remuneração não é aumentada — embora a companhia tenha anunciado recentemente que aumentará o salário de alguns funcionários do varejo.

Uma pessoa não identificada relatou:

Publicidade

Eu tenho muitos colegas de trabalho e amigos que eu realmente amo e eles não ganham o suficiente para sobreviver. Eles estão lutando e sofrendo e nós trabalhamos para uma empresa que tem os recursos para garantir que eles sejam atendidos.

Antes de propor a iniciativa oficialmente, alguns funcionários avaliaram informalmente o interesse entre os demais colaboradores. Em pelo menos um caso, eles esperavam obter pelo menos 80% de apoio (entre o total de funcionários de uma determinada loja) antes de se registrarem para formar um sindicato.

Os funcionários do varejo da Apple podem ganhar de US$17 a mais de US$30 por hora, dependendo da posição — mas alguns deles acreditam que a Apple tem condições de pagar mais. Tudo isso se soma aos diversos outros problemas no ambiente de trabalho que vêm sendo relatados há alguns meses.

A Apple ainda não comentou oficialmente a iniciativa de sindicalização dos funcionários.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Kanye West

Sem Apple Music ou Spotify: Kanye West lançará novo álbum em plataforma própria

Próximo Artigo
Samsung Galaxy S22

Samsung passa a oferecer carregador gratuito no Brasil sem limite de tempo

Posts Relacionados