O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

"Make or Break: Na Crista da Onda"

Apple TV+ terá série de surfe com Gabriel Medina, Kelly Slater e mais

“Make or Break: Na Crista da Onda” chegará à plataforma no dia 29 deste mês — e já tem uma segunda temporada confirmada

Fãs de esportes, tremei! Conforme anunciado há alguns meses, o Apple TV+ detalhou hoje a série documental “Make or Break: Na Crista da Onda”, um mergulho no universo do surfe com alguns dos principais nomes da modalidade. E o anúncio já veio em grande estilo: além de divulgar a data de estreia da primeira temporada — 29 de abril, uma sexta-feira — e a primeira imagem oficial da série, a Maçã também já confirmou que a produção terá uma segunda temporada.

Publicidade

Dividida em sete capítulos na sua primeira temporada, “Make or Break” acompanhará os maiores surfistas do mundo em uma batalha feroz — porém saudável — pelos títulos de campeão e campeã da WSL (World Surf League).

Além de uma visão geral do campeonato, o documentário trará depoimentos dos esportistas, visões mais íntimas sobre as suas vidas, seus desafios e conquistas, bem como uma análise sobre a cultura do surfe e discussões em torno de assuntos atualmente em voga, como a diversidade e a saúde mental. Também teremos, é claro, imagens estonteantes das praias e locações onde são realizadas os torneios.

Na primeira temporada, a série será concentrada em seis surfistas de nível mundial, com o Brasil em peso nos holofotes: teremos Gabriel Medina, tricampeão mundial, Ítalo Ferreira, medalhista de ouro em Tóquio e a olímpica Tatiana Weston-Webb. Além disso, veremos ainda o hendecacampeão mundial Kelly Slater, a heptacampeã mundial Stephanie Gilmore e o bicampeão mundial Tyler Wright.

Publicidade

Outros esportistas destacados no documentário incluem o brasileiro Filipe Toledo, e ainda uma série de nomes conhecidos do circuito: Morgan Cibilic, Johanne Defay, Leonardo Fioravanti, Jeremy Flores, John John Florence, Kanoa Igarashi, Matt McGillivray, Isabella Nichols e Jack Robinson.

Com produção executiva de James Gay-Rees (“1971: O Ano em que a Música Mudou o Mundo”) e Paul Martin (“F1: Dirigir para Viver”), a nova docussérie do Apple TV+ fará parte de um abril deveras esportivo. Uma semana antes da sua estreia, no dia 22 de abril, a plataforma receberá duas produções sobre o universo do basquete: “They Call Me Magic” e “The Long Game: Bigger Than Basketball”.

O Apple TV+ está disponível no app Apple TV em mais de 100 países e regiões, seja em iPhones, iPads, Apple TVs, Macs, smart TVs ou online — além também estar em aparelhos como Roku, Amazon Fire TV, Chromecast com Google TV, consoles PlayStation e Xbox. O serviço custa R$9,90 por mês, com um período de teste gratuito de sete dias. Por tempo limitado, quem comprar e ativar um novo iPhone, iPad, Apple TV, Mac ou iPod touch ganha três meses de Apple TV+. Ele também faz parte do pacote de assinaturas da empresa, o Apple One.


Ícone do app Apple TV
Apple TV de Apple
Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 1.7.3 (888.8 KB)
Requer o iOS 10.2 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Uber

Motoristas da Uber já podem ver valores e endereços de viagens

Próximo Artigo
Filme — Analog Photo Editor

Promoções na App Store: Filme, Tageslicht, Instant Noodles: Original e mais!

Posts Relacionados